Terça-Feira, 23 de Maio de 2017 |

Colunista


Cantinho Ecológico


Marco Aurélio


verdade@cpovo.net

(Foto: )


A Escola Estadual de Ensino Médio Maurício Sirotsky Sobrinho já colhe os frutos da criação do seu Núcleo de Educação Ambiental. Durante os anos de 2011 e 2012 grandes investimentos em formação e capacitação na área ambiental de estudantes do ensino médio e anos finais do fundamental começam em 2013 a dar resultados originados pela autonomia dos jovens em relação às atividades desenvolvidas na instituição. Os primeiros passos desses agentes foram o projeto de alimentação saudável voltado para os alunos dos anos iniciais, a participação no incentivo à leitura através do auxílio na preparação das caixas de livros que serão itinerantes na escola e a jardinagem no ambiente educativo, que já se encontra em andamento e contempla a pintura de muros da escola, a construção do jardim suspenso e a revitalização de pontos como a horta escolar. Ainda nesse semestre os alunos irão dar início ao Jornal da Comunidade visando democratizar informações do universo escolar e de seu entorno. Muitos desses agentes ambientais jovens já buscam uma colocação no mercado de trabalho. O maior retorno de tanto investimento é a certeza de que a escola Maurício Sirotsky Sobrinho está semeando “gente do bem”, com características honestas e ideias para um mundo melhor. Importante esclarecer que a escola priorizou o meio ambiente cedendo um espaço privilegiado para a instalação do Núcleo de Educação Ambiental. A diretora Rosângela Melo, que tem uma história de mais de trinta anos na mesma escola e no bairro, percebeu rapidamente que através da educação ambiental é possível oportunizar novas alternativas para atuar democraticamente na sociedade. Parabéns Rosângela, e obrigado pelo trabalho Agentes Ambientais! O Meio Ambiente agradece!!!!!!
Os Agentes Ambientais da Escola Maurício: (em pé da esquerda para direita) Carolina, Bruno e Gabriela. (sentados): Ana Clara, Dânia, Tamara, Kethleen e Bruna.

COMENTÁRIOS ()