Segunda-Feira, 03 de Agosto de 2020 |

Colunista


Conversando sobre o cotidiano


Paulo Franquilin


franquilin.pc@gmail.com


Alvorada e seu título

A última divulgação do Atlas da Violência trouxe um triste título para Alvorada: o sexto município mais violento do país em 2017, com uma taxa de 112,6 homicídios para cada 100 mil habitantes.

Este número é um dos indicadores da violência, no Brasil tivemos mais de 65 mil homicídios no ano, com um número absurdo de 178 mortes por dia.

Todo o esforço da comunidade para melhorar a imagem da cidade é esquecido, as ações positivas não são valorizadas, além de ser apenas um dos critérios para avaliar a violência, mas a manchete coloca Alvorada como a cidade mais violenta do Rio Grande do Sul.

Infelizmente o preconceito com relação à Alvorada foi construído ao longo do tempo, com incessante cobertura da mídia dos homicídios que ocorrem e sempre relembrando os crimes antigos, o que não acontece com outras cidades da Região Metropolitana, nem com outras do interior.

A Praça Central e seu entorno é um ponto importante, com as famílias convivendo ali nos finais de semana e datas festivas, usando o Chimarródromo para esquentar a água e tomar um chimarrão, observando a movimentação da cidade.

A Lagoa do Cocão também é um espaço para o lazer, com suas belas águas e paisagens, além de termos alguns parques aquáticos que também são muito bons para a diversão no período de verão.

O Distrito Industrial concentra empresas da área de metalurgia, plásticos e outros produtos, além da cidade possuir uma rede de serviços, com bons restaurantes e lojas, que atendem às demandas da população. O Pórtico recebe os visitantes e moradores, enquanto que a Morada dos Quero-queros, com sua estrutura, permitem que atletas treinem rotineiramente.

Alvorada é uma cidade com muitas qualidades, com um povo trabalhador, que acolhe bem e está localizada num ponto estratégico para a instalação de indústrias, com acesso a estradas para escoar a produção.

Infelizmente este título vem a prejudicar a chegada de investimentos e a geração de mais empregos no município.

COMENTÁRIOS ()