Quarta-Feira, 28 de Outubro de 2020 |

Colunista


Conversando sobre o cotidiano


Paulo Franquilin


franquilin.pc@gmail.com


Dinheiro em boa hora

A liberação de 600 reais para os trabalhadores informais e autônomos, pelo governo federal, vem para ajudar aqueles que estão sem fonte de renda, por não poderem trablahar devido ao isolamento social.

A Caixa Econômica Federal abriu um canal para acesso a esses valores através do site www.auxilio.caixa.gov.br, onde os interessados podem realizar a solicitação do auxílio emergencial, porém com a necessidade de preencher alguns requisitos.

Para conseguir o auxilio os interessados devem ter mais de 18 anos, não ter emprego formal, não receber benefícios previdenciários ou seguro-desemprego, renda mensal de R$ 522,50 por pessoa ou rende familiar total de R$ 3.135,00.

Além disso, não devem ter recebido rendimentos anuais de R$ 28.559,70 e estar desempregado. ser Micro Empreendedor Individual (MEI) ou trabalhador informal, sendo importante destacar que os interessados não podem ser agentes públicos, inclusive temporários ou exercer mandato eletivo.

Preenchidos estes requisitos cabe ao interessado informar seu nome, CPF, data de nascimento e nome da mãe, depois fornecer o número do celular e receber um número para acesso, informando em seguida qual tipo de atividade exerce e em que local.

Ao final, após análise, caso tenha conta na Caixa Econômica Federal, receberá o valor e, se não tiver conta, será aberto uma conta poupança na CEF, onde será depositado o auxílio emergencial, obedecendo a calendário específico.

Um processo rápido, que pode ser feito tanto por celular ou por computador, sendo ainda possível comparecer a uma agência da Caixa e fazer o cadastramento, porém desaconselhável para evitar aglomerações em tempos de isolamento social.

COMENTÁRIOS ()