Quinta-Feira, 23 de Maro de 2023 |

Colunista


Conversando sobre o cotidiano


Paulo Franquilin


franquilin.pc@gmail.com


A vida é breve

A nossa existência é uma passagem por aqui, não há certeza de quando acabará a nossa trajetória, alguns tem uma breve vida de segundos e também outros que chegam a idade centenária, sem nenhuma lógica nesta realidade, pois o acabar pode vir a qualquer momento.

Nosso organismo tem uma série de órgãos que se interligam e necessitam estar equilibrados para a manutenção do corpo e consequente melhor qualidade de vida. Na atualidade nossa alimentação é muito artificial, com produtos processados e com uso de conservantes e estabilizantes químicos, o que muito prejudica o funcionamento do organismo.

O ser humano evoluiu e a alimentação, geralmente, envolve o consumo de produtos animais e vegetais e deve ser equilibrado para não causar doenças. O aparecimento da covid, somado ao que já havia de enfermidades, aumentou o númro de mortes nos últimos anos.

Para vivermos mais tempo é necessária uma rotina de alimentação saudável, atividade física regular e, se possível, acompanhamento de profissional de saúde na prevenção de doenças.

Portanto aproveitar a vida é adotar estes procedimentos mínimos e também buscar conviver com familiares e amigos, buscando viver momentos felizes junto a quem amamos.

Nossa vida é breve e passa muito rápido, ainda mais com a prática de imersão no mundo digital, no qual perdemos a noção do tempo e permanecemos conectados muito tempo, mas sem nos darmos conta de que estamos perdendo tempo.

Vamos sair para a rua, olhar para o céu, conversar com os outros, tentar entender a lógica de nossa existência e aceitar quando alguém que gostamos parte de nossa vida, das mais diversas formas e em qualquer idade.

COMENTÁRIOS ()