Terça-Feira, 22 de Agosto de 2017 |

Colunista


EducadaMente


Tatiani Roland



Crianças Prodígio

Espalhadas por aí estão as crianças prodígio. São superdotadas; consideradas gênios pelas altas habilidades que em pouco tempo de vida conseguem desenvolver. Muitas trazem consigo algumas patologias e síndromes como o autismo e que não atrapalha seu brilhantismo. Entretanto, o mundo para essas crianças pode ser cruel. Ser diferente numa sociedade que espera comportamentos padronizados causa muita tristeza e pode levar pessoas assim a serem consideradas estúpidas ou desligadas quando o que elas não conseguem é acompanhar nossa maneira de ver o mundo. Fui procurar as crianças prodígio da atualidade. Achei um ranking das dez crianças mais brilhantes e inteligentes. Dá pra impressionar o que são capazes de fazer! Segue a história de algumas:
1 - Mikaela Irene Fudolig entrou na Universidade das Filipinas aos 11 anos. Ela se formou em bacharelado em Ciências Físicas aos 16 anos e era a melhor aluna de sua turma de formandos. Atualmente ela faz PhD e é professora na mesma universidade em que estudou, com interesse em econofísica, que é a busca de abordagens conceituais dos problemas econômicos usando ferramentas e métodos da física estatística.
2 - Akrit Pran Jaswal da Índia se tornou conhecido quando realizou sua primeira cirurgia, com apenas sete anos de idade. Embora ele não fosse um médico na época. Ele era considerado um gênio médico onde morava. A cirurgia foi nas mãos de uma criança de oito anos de idade, que foi vítima de queimadura. O garoto entrou universidade de medicina aos 12 anos, e aos 17 anos já estava graduado em Química Aplicada. Hoje, ele trabalha em busca da cura para o câncer.
3 - Taylor Ramon Wilson é a pessoa mais jovem do mundo a construir um fusor nuclear. Aos 10 anos ele construiu uma bomba e aos 14 o fusor. Em maio de 2011, ele ganhou o prêmio International Science and Engineering Fair Intel, graças ao seu detector de radiação. Em fevereiro de 2013, ele falou na conferência TED em 2013 sobre as suas idéias sobre reatores nucleares subterrâneos de fissão nuclear auto-suficientes. Ele projetou um aparato compacto que poderia gerar 50 megawatts de energia e precisaria ser reabastecido apenas uma vez a cada 30 anos.
4 - Jacob Barnett é um matemático americano. Quando tinha apenas dois anos de idade, foi diagnosticado com autismo moderado a grave. Os médicos disseram que ele poderia não ser capaz de falar, ler, tornar-se independente em atividades básicas diárias. Jacob mostrou aos médicos que estavam errados aos soletrar o alfabeto de trás para frente quando tinha 3 anos. Com a mesma idade, ao visitar um planetário, Jacob respondeu a pergunta do apresentador de por que as luas de Marte são de forma estranha. Aos 10 anos de idade ele se matriculou na Universidade de Indiana. Enquanto estudava, ele afirmou que um dia poderia refutar a Teoria da Relatividade de Einstein. Atualmente ele está trabalhando em seu PhD em Física Quântica.
(Fonte do ranking: http://www.fatosdesconhecidos.com.br)

COMENTÁRIOS ()