Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020 |

Colunista


Espantando a Zebra


César Freitas


cesar.gfreitas@yahoo.com.br


Gauchão

Já estamos na quinta rodada do Gauchão, edição 2019. Até a quarta rodada o Grêmio e o Caxias lideram com sete pontos seguidos do São José com seis. O Inter está na sétima colocação com apenas três pontos. Os lanternas são o Brasil, que decepciona a sua numerosa torcida e o São Luiz com somente dois pontos.

Inter I

A campanha colorada está decepcionante. Após vencer ao São Luiz com um gol espírita do Emerson Santos, foi derrotado nas duas partidas seguintes pelo Pelotas no Beira Rio e pelo São José no estádio do Passo d´Areia. Se contra o Pelotas a atuação colorada foi aceitável, apesar da derrota, contra o São José foi lastimável. A alegação do alta temperatura e o gramado artificial não procede. Uma equipe com os valores que estavam em campo não pode atuar tão mal. Na próxima segunda-feira os colorados recepcionam o Brasil no Beira-Rio. Será o confronto de dois clubes que estão devendo às suas respectivas torcidas. O atacante Paolo Guerrero teve o prazo de sua suspensão antecipado em um mês. Ele poderá integrar a equipe colorada a partir do dia cinco de abril.

Inter II

Na noite da última quarta-feira a equipe do Inter voltou a decepcionar a sua torcida. Foi ao estádio Antônio Davi Farina e empatou com o Veranópolis em um gol. Ressalte-se que o “Pentacolor” teve um jogador expulso aos nove minutos da fase final. Caio deu um cotovelaço no nariz do Potker, fraturando-o. A expulsão foi justa. A primeira etapa teve um desenrolar parelho, sendo que o Veranópolis teve mais chances de gol. Esta fase findou com um empate sem gols. Na etapa final, logo no início o “Vera” ficou inferioridade numérica, do que o Inter não se aproveitou. Teve um volume de jogo mais intenso, porém sem ameaçar muito a meta do adversário. Aos 34 minutos finalmente o Inter abriu o escore através de Nico Lopez após uma grande confusão na área do Veranópolis. Aos 36 minutos o zagueiro Lito tocou com a mão na bola dentro da área e Anderson Daronco marcou pênalti que Rafael Sobis cobrou mal permitindo a defesa do goleiro. Logo o Veranópolis atacou e após uma boa jogada de Juba Macena marcou o gol da igualdade no marcador. O Inter voltou a jogar mal, sem um sistema de jogo. Novamente Sarrafiori entrou na equipe no final do jogo. Ele deveria ter entrado no lugar do D Alessandro que foi substituído pelo Rafael Sóbis lá pelos 15 minutos da fase final. Se o Inter não vencer o Brasil na noite da próxima segunda-feira as coisas vão ferver lá pelos lados do Beira-Rio.

Grêmio

Há muito tempo o Grêmio não iniciava o Gauchão com tanta tranquilidade. No primeiro jogo não tomou conhecimento da equipe do Novo Hamburgo, que apesar de jogar em casa, jogou muito mal, e empilhou quatro gols ao natural. No segundo jogo foi a São Leopoldo e encontrou um Aimoré muito bem armado. O empate se gols foi um justo placar. No terceiro jogo enfrentou o Juventude na Arena. Venceu por três a zero, sendo que os dois primeiros gols de Jael foram fruto de grosseiros erros da defensiva esmeraldina. O “Verdão Caxiense” foi uma decepção total. Na última quinta-feira os tricolores recepcionaram o São Luiz na Arena. Deixo de comentar e esse jogo devido ao fechamento desta edição. O Grêmio é franco favorito. Neste domingo os tricolores vão ao estádio Centenário enfrentar o Caxias. Nesse jogo deverão atuar os considerados titulares.

COMENTÁRIOS ()