Terça-Feira, 25 de Julho de 2017 |

Colunista


Espantando a Zebra


César Freitas


cesar.gfreitas@yahoo.com.br


CONVOCADOS
Na manhã da última quarta feira conhecemos os convocados pelo Felipão. A rigor não houve grandes surpresas. Em minha opinião os goleiros deviam ser Jeferson, Victor e Marcelo Grohe ou Fábio. Na zaga e meia cancha estamos bem. O nosso grande problema está no ataque. Jô e Hulk deixam a desejar como atacantes. A sorte está lançada. Haja coração....

BRASILEIRÃO
No último fim de semana tivemos a terceira rodada do Brasileirão. Corinthians, Inter, Cruzeiro e Goiás, que venceram os seus adversários, lideram o certame com sete pontos. Esses clubes mais o Coritiba e o Santos são os invictos até aqui no certame. O Grêmio ocupa a décima segunda posição, pelos critérios, com quatro pontos. Os quatro últimos colocados são Atlético MG, Chapecoense, Botafogo e Figueirense, sendo que os catarinenses ainda não pontuaram.

INTER I
Os colorados voltaram a ter uma atuação irregular. Na etapa inicial quando atuaram um pouco melhor, derrotaram o Sport por dois a zero. Na etapa complementar tiveram ótimos momentos levando muito perigo a meta pernambucana. Nesse período não conseguiram marcar e no final foram definhando para permitir o gol do Sport, em mais uma falha do setor defensivo. Assim, que parecia tranqüilo deixou a torcida muito apreensiva no seu final. Vários atletas estiveram mal novamente. Neste sábado o Inter enfrenta mais um rubro negro, o Atlético PR. Pela bola que as equipes estão jogando, se o Inter voltar a jogar bem e tiver regularidade, deve vencer sem problemas.

INTER II
No jogo com o Cuiabá, válido pela Copa do Brasil, disputado na última quinta feira lá na capital mato-grossense, o Inter esteve irreconhecível. O empate em um gol foi um prêmio em função da atuação colorada. O jogo de volta será nesta quarta feira aqui no Beira Rio.

GRÊMIO
Num jogo despido de técnica o Grêmio obteve um bom resultado ao empatar com o Santos sem gols no último sábado lá na Vila Belmiro. Os tricolores estiveram mais próximos da vitória, pois Dudu, após uma excelente jogada, entrou a drible na área santista e na hora de mandar a bola para as redes chutou para fora. Neste domingo os tricolores vão enfrentar a Chapecoense lá no estádio Indio Condá. Será um difícil jogo, pois os comandados de Gilmar Dal Pozzo vendem muito caro uma derrota em seus domínios.

LIBERTADORES
Dos seis clubes brasileiros que começaram a competição restou apenas o Cruzeiro. Nunca tivemos uma representatividade tão diminuta nessa fase da competição. Os mineiros jogaram com o San Lorenzo na noite da última quarta feira em Buenos Aires. O jogo foi vencido pelos argentinos pelo escore mínimo. O jogo de volta será na próxima quarta feira, quando o Cruzeiro terá que vencer pela diferença de dois gols para seguir adiante na competição.

COPA DO BRASIL
O Novo Hamburgo derrotou o J.Malucelli no jogo de volta pela Copa do Brasil. Como já havia vencido o jogo de ida, o “ Nóia” agora espera provavelmente o ABC de Natal .

SEGUNDONA BRASILEIRA
América MG, ABC, Joinville e Náutico lideram pelos critérios a competição. Atlético GO, Boa, Vila Nova e Icasa estão no grupo de rebaixamento.

GAÚCHO – PASSO FUNDO – 103 ANOS
O Sport Club Gaúcho de Passo Fundo é o clube profissional de nosso estado aniversariante nesta semana, pois foi fundado no dia doze de maio de 1911. Portanto está completando expressivos cento e três anos de vida esportiva. O “Verdão” como é carinhosamente chamado pela sua torcida, atualmente disputa a nossa Terceirona.

SELEÇÃO GAÚCHA
Até a década de setenta era comum se formar uma seleção gaúcha com atletas da dupla Grenal e enfrentar adversários categorizados. No dia quatorze de maio de 1969 não foi diferente. Nessa data jogou no Beira Rio com a Seleção Argentina e empatou em um gol. O nosso gol foi marcado pelo Sérgio Galocha e os argentinos marcaram através do zagueiro Perfumo. A nossa representação, que era orientada pelo saudoso Aparicio Viana e Silva, jogou com Alberto; Everaldo, Scala, Aúreo e Sadi; Elton, João Severiano e Dorinho; Sérgio Galocha, Claudiomiro (Arnaldo) e Torino (Babá). Esse histórico jogo que está completando quarenta e cinco anos de sua realização nesta semana foi dirigido pelo árbitro argentino Luiz Pastorini.

COMENTÁRIOS ()