Sexta-Feira, 28 de Julho de 2017 |

Colunista


Falando de Segurança


Paulo Franquilin


franquilin.pc@gmail.com


Menos crimes no Brasil durante Copa
A impressão que tenho é que durante o período em que tivemos Copa do Mundo no Brasil os crimes deixaram de acontecer, pois a redução das notícias de crimes foi notória. Programas que normalmente passavam toda a sua duração expondo uma verdadeira crônica policial, agora falam de assuntos mais amenos.
A Copa do Mundo tornou minhas refeições mais tranquilas, com menos tensão vindo da televisão, enquanto a leitura dos jornais também foi mais prazerosa, com mais textos inteligentes e melhores fotografias, sem aquelas cenas de violência e sangue, comuns na mídia.
Espero que os apresentadores também percam um pouco de seu sadismo e busquem outras notícias, tragam verdadeiras histórias de solidariedade, a resolução dos problemas dos cidadãos pelos poderes constituídos, a melhoria do sistema de transporte.
Continuem denunciando a corrupção, mostrem as cenas de nosso inverno, as peculiaridades de nossas cidades, a alegria de nosso povo, mas também se mantenham atentos aos problemas reais que afetam a rotina das pessoas: ruas esburacadas, esgoto a céu aberto, transporte público ruim, mas esqueçam um pouco de somente mostrar sangue e morte.
O período de 15 dias em que tivemos a Copa no país foi marcado por uma verdadeira calmaria na violência, sem grandes acontecimentos, parecendo que nada ocorreu nestes dias.
O aumento do efetivo nas sedes dos jogos pode ter influenciado para uma redução nos delitos, mas somente tal fato não seria suficiente para acabar com notícias de crimes. Mesmo cidades e regiões que sempre são notícia nas páginas policiais foram retiradas, tanto que gastaram muito tempo com outros assuntos não relacionados à criminalidade, buscando outras pautas mais interessantes, deixando a violência de lado, o que também contribuiu para as pessoas ficarem menos agressivas e revoltadas.
Bem espero que a realidade de diminuição dos crimes do Brasil seja comprovada nas estatísticas criminais e que continuemos com menos notícias sobre crimes e criminosos, temos muito mais a mostrar. Pelo menos os turistas que nos visitaram tiveram uma mídia mais criativa e voltada para mostrar aspectos positivos de nosso país.

*Ten Cel BM, Jornalista e Escritor

COMENTÁRIOS ()