Domingo, 09 de Agosto de 2020 |

Colunista


Tradição e Cultura


Valdemar Engroff


gaucho.valdemar@pop.com.br


MTG promove 1º Sarau da Inclusão

O Movimento Tradicionalista Gaúcho do Rio Grande do Sul realiza, no dia 8 de agosto, o 1º Sarau Virtual da Inclusão. A iniciativa é do Departamento de Inclusão, implantado neste ano na entidade, e contará com apresentação da declamadora Laura Kuhn, que tem Síndrome de Down. Laura tem 16 anos e é do GAN Sepé Tiarajú, de Espumoso, na 14ª Região Tradicionalista.
Segundo Mara Caldeira, diretora do departamento, a proposta é que possam participar adultos e crianças especiais em modalidades artísticas como canto, instrumental, declamação, dança e também na vaca parada.

No total, serão 10 vagas e as inscrições podem ser feitas até o dia 5 de agosto através do e-mail inclusao@mtg.org.br. Os concorrentes devem informar nome, telefone, entidade, cidade, e a arte que pretende demonstrar.

A transmissão será feita pela página do MTG no Facebook e pelo canal do Eco da Tradição no YouTube. A live promoverá encontros entre os inscritos no sarau e artistas reconhecidos nas respectivas áreas. “Assim, por exemplo, um gaiteiro especial vai bater papo e tocar junto com um músico consagrado, também acordeonista”, afirma Mara. Segundo ela, o MTG quer os tradicionalistas especiais sejam, de fato, incluídos no meio tradicionalista e não tratados como uma categoria à parte, isolada.

Laura diz que se sentiu muito feliz com o convite. “Quero agradecer por esta oportunidade. Mesmo tendo Síndrome do Down, eu estou representando crianças, adolescentes e jovens que estão passando por isso. Espero que pessoas especiais como eu acreditem em si e participem desse sarau de talentos”, afirmou. Chasque remetido pela assessoria de imprensa do MTG, por intermédio de Sandra Veroneze.

Chasque da Subcoordenadoria de Alvorada

Fecha-se o primeiro ciclo do “pague e leve” do Movimento Tradicionalista Gaúcho de Alvorada. Na semana passada quem promoveu o evento foi o CPF O Tempo e o Vento e nesta sexta-feira será o CTG Amaranto Pereira. Aguardemos por eventos similares pelos nossos galpões daqui por diante – enquanto a pandemia do Corona Vírus persistir por toda esta terra que chamamos de mundo. Mais informações com o Subcoordenador Jair Martins pelo fone (51) 999.994.513.

ECAD prorroga prazo

As entidades tradicionalistas do Rio Grande do Sul continuarão suspensas do pagamento das taxas do ECAD - Escritório Central de Arrecadação e Distribuição. A informação é do vice-presidente de Administração e Finanças do Movimento Tradicionalista Gaúcho, César Oliveira. Segundo César, a suspensão começou em março, quando o MTG negociou com o órgão. Inicialmente, contemplaria os meses de março, abril, maio e junho. Como a situação de isolamento social se mantém e, portanto, as entidades permanecem sem atividades, houve a necessidade de renegociar. “A situação será analisada mês a mês”, afirmou César.

Segundo ele, foi combinado com o diretor para o Rio Grande do Sul do ECAD, Alvino de Souza Pinto, que as entidades tradicionalistas que por ventura receberem alguma cobrança devem entrar em contato com o MTG. Chasque da assessora de imprensa do MTG – Sandra Veroneze, que buscamos no galpão virtual do Léo Ribeiro de Souza – www.blogdoleoribeiro.blogspot.com.

COMENTÁRIOS ()