Quarta-Feira, 20 de Setembro de 2017 |

Jornal A Semana anuncia novos colunistas para falar sobre Direito

Eduardo Fraga e Luciellen Leitzke dividirão novo espaço a partir desta edição

Por Redação em 25 de Agosto de 2017

"Eduardo e Luciellen vão intercalar semanalmente o espaço Sabendo Direito" (Foto: Guilherme Wunder)


Há algumas edições, o Jornal A Semana abordou o direito ao ressarcimento que a população pode, por lei, correr atrás. Na época, foi conversado com o advogado Eduardo Fraga, que nos explicou sobre como os alvoradenses poderiam entrar com ações judiciais contra o poder público em caso de algum dano causado devido à má prestação do serviço público.

Essa questão acabou levantando diversos questionamentos sobre assuntos em que a população tem direitos e não sabe como proceder. Pensando nisso e buscando, através do papel social que o jornalismo tem de sanar dúvidas e mitos da sociedade, convidamos o advogado Eduardo Fraga e sua sócia, Luciellen Leitzke, para inaugurarem a coluna “Sabendo Direito”.

Fraga é formado desde 2014, pela Uniritter e é especialista em advocacia empresarial, cível e trabalhista. Já Luciellen concluiu a graduação pela UCPEL em 2013 e tem como área de atuação o Direito Empresarial, Civil e de Família. Juntos eles fundaram, em 2016, a Fraga e Leitzke Advogados Associados, que tem seu escritório localizado na Parada 47 do município.

Para Eduardo Fraga, o principal objetivo desta coluna é informar a população, pois muitas carecem deste conhecimento. Isso porque, segundo ele, existem muitas questões consideradas simples e que as pessoas não sabem proceder. Outro ponto que a coluna pretende ajudar é na desmistificação de certos pontos do direito do cidadão.

“Quem nunca ouviu falar da pensão alimentícia de 30%? Não é bem assim. É algo muito simples e do nosso cotidiano trabalhar com isso e, mitos como esse surgem sempre. A nossa intenção é quebrar isso e informar as pessoas quais são realmente os seus direitos e o que de fato eles podem batalhar”, ressalta Fraga.

Conforme a advogada Luciellen Leitzke, a coluna deles tem como premissa passar esse conhecimento deles para a população, pois assim será possível que as pessoas possam agir da maneira mais segura. E, para ela, a ideia é que eles auxiliem os leitores do jornal nas mais variadas situações que envolva o dia a dia prático deles.

“Essa é uma necessidade que vimos na prática, seja nas pessoas mais simples como também nas que tem mais estudo. A gente começa a ver quando as pessoas nos procuram para saber como atuar em questões simples, como um acidente de trânsito, por exemplo”, ressalta a advogada, que deve revezar na coluna com o seu sócio, com uma semana para cada um escrever no periódico.

COMENTÁRIOS ( )