Quarta-Feira, 25 de Novembro de 2020 |

ONG Elo promove palestra sobre adoção no colégio Érico Veríssimo

Objetivo é dar orientações a pais adotivos ou em processo de adoção

Por Redação em 09 de Junho de 2017

"ONG já atendeu cerca de 200 famílias, como aconteceu no mês de maio em Cachoeirinha" (Foto: Divulgação)


A ONG Elo Adoção promoveu nesta quinta-feira uma roda de conversa sobre adoção no colégio Érico Veríssimo, no bairro Sumaré. O “Conversando sobre adoção” teve a participação de psicólogos e psicopedagogos voluntários da ONG. O objetivo da ação é dar orientações à pais adotivos ou em processo de adoção.

“Somos pais por adoção que se reuniram pela necessidade de ter um grupo para falar sobre adoção e as dificuldades na preparação para a chegada dos filhos e na integração e apoio psicológico depois que nascem”, explica Karen Boelter, vice-presidente da Elo. A atividade foi a primeira ocorrida no município e foi feita em parceria com a Vara da Infância e da Juventude de Alvorada. Segundo Karen, o motivo da vinda para o município é a concentração de pessoas interessadas no assunto. “Alvorada tem um grande publico envolvido com adoção, mas a cidade tem uma característica muito grande de concentrar as atividades na própria cidade. Levar o grupo de apoio para dentro da cidade atrai a própria comunidade a participar disso e auxilia nesse processo de adoção”, comenta a vice-presidente.

A Elo Adoção surgiu originalmente em Cachoeirinha e hoje conta com cerca de 60 voluntários entre psicólogos, psicopedagogos e fotógrafos. Atualmente, atua em 6 cidades da Região Metropolitana: Alvorada, Canoas, Cachoeirinha, Gravataí, Novo Hamburgo e Viamão. Criada há dois anos, a ONG trabalha em universidades como CESUCA e UFRGS ambientes de convívios e troca de experiências entre pais adotivos. “A gente trabalha a base da adoção que é a preparação dos pais para que eles estejam preparados para receber as crianças porque elas precisam chegar numa família preparada para os desafios que vem”, pondera Karen.

A vice-presidente ainda informa que a Elo Adoção já atendeu aproximadamente 200 famílias com filhos adotivos. Ela ressalta que a ONG trabalha com a preparação da família e não apenas dos pais. “Nosso público mesmo é quem ainda aguarda os filhos, quem está se habilitando, pensando em construir o perfil para a adoção, quem já está habilitado e está na fila do Cadastro Nacional da Adoção esperando a ligação do fórum e quem já está com os filhos. Fora isso, são bem vindos qualquer outro público que tenha interesse no tema”, salienta.

Além dos pais, os voluntários fazem um trabalho de conscientização das crianças com a meta de quebrar o tabu que envolve a adoção. Apadrinhamentos afetivos, cursos preparatórios para adoção, fórum para equipe técnica, grupos de apoio e eventos informais como piqueniques também são promovidos pela ONG Elo Adoção. “Fazemos eventos bem informais em que as famílias possam se conhecer além de trabalhar a parte teórica nos grupos. A vivência forma uma grande família, grandes amigos”, destaca Karen.

O próximo evento em Alvorada será no dia 13 de julho, também na Escola Érico Veríssimo. Para os interessados em participar ou mesmo procurar alguma orientação com a ONG, o e-mail para contato é elo.adocao@gmail.com. Também há mais informações no site www.eloadocao.org.bre na fanpage no Facebook.

COMENTÁRIOS ( )