Segunda-Feira, 18 de Dezembro de 2017 |

“Memórias em Quadrinhos” é selecionado para 25° Salão Internacional de Desenho para Imprensa

Trabalho produzido por Pablo Aguiar e publicado no jornal A Semana será exposto em evento na capital

Por Redação em 24 de Novembro de 2017

"Entre os inscritos estão o de Elita Sant’Anna e Rita de Cássia" (Foto: Pablo Aguiar)


O trabalho de Pablo Aguiar no Jornal A Semana continua a render frutos ao alvoradense. Isso porque, mesmo após quase dois anos da última entrevista publicada na série “Memória em Quadrinhos”, o artista volta a ser reconhecido pelo seu projeto pioneiro dentro da cidade.

Tudo porque, no início do mês de novembro, a Secretaria de Cultura de Porto Alegre anunciou os selecionados para o 25° Salão Internacional de Desenho para Imprensa. E, entre os selecionados, está Pablo Aguiar, que se inscreveu no edital com cinco reportagens feitas junto ao Jornal A Semana. Na oportunidade, o alvoradense se candidatou com os perfis das seguintes personalidades: Elita Sant’Anna, José Carlos e Tito, Rita de Cássia, Jorge da Lagoa e Bernardete Gonçalves.

Uma destas cinco histórias será exposta no 25° Salão Internacional de Desenho para Imprensa. A mostra tem início neste sábado, 25/11, e devem permanecer na Sala Aldo Locatelli e Sala da Fonte no Paço Municipal até o dia 09 de março de 2018. Ao todo, foram 32 artistas selecionados para participarem da exposição, que visa estimular e divulgar, de forma abrangente, a expressão gráfica aplicada à imprensa.

Em entrevista, Aguiar conta que ainda não sabe qual das cinco obras que ele inscreveu nesta edição foi a escolhida para ser exposta, mas relata estar realizado em ter seu trabalho como um participante deste evento. “Essa foi a primeira vez que concorri com os quadrinhos. Antes tinha tentado com minhas charges, mas não consegui. Quero buscar o reconhecimento do meu trabalho e mostrar para outras pessoas esse meu projeto com o Jornal A Semana”, relata o quadrinista.

O artista conta que tinha expectativa de ser selecionado desta vez pelo valor que tem o seu trabalho de entrevistar pessoas da cidade. Ele fala ainda sobre o espaço que o Jornal A Semana abriu para este projeto. “Eu tinha o incentivo, apoio e espaço. Isso era bom pra mim, para o leitor e para o entrevistado. Está sendo ótimo tudo. Agora quero curtir a exposição e o que isso vai gerar. Teremos o livro, a exposição e eu também quero dar continuidade ao projeto”, destaca Pablo.

Memórias em Quadrinhos

Pablo Aguiar tem 27 anos e desenvolveu a seção “Memória em Quadrinhos”, que foi veiculada no Jornal A Semana desde fevereiro de 2016 até março de 2017. Ao todo, foram 27 histórias de personagens anônimos do município contadas através dos desenhos de Aguiar. Ele já cursou design e é formado em comunicação digital pela Unisinos e artes visuais pela Universidad Del Pais Vasco, na Espanha.

Atualmente, o quadrinista trabalha como freelancer para agências de designers. Para o projeto “Memória em Quadrinhos”, ele revela que se inspirou no quadrinista argentino Liniers. “Meu desenho é simples, tem uma coisa meio realista, tento desenhar os detalhes do lugar. O resto eu faço bem simples, pegando os traços principais dos personagens”, define.

Aguiar explica que buscou contemplar alvoradenses de várias profissões, desde médicos e jornalistas, até recicladores e moradores de rua. “As pessoas gostavam de se ver representadas nos desenhos. Eu fazia questão de entregar o jornal nas mãos delas e ver a emoção. Foi legal para as pessoas de Alvorada se sentirem valorizadas. Terem as suas historias valorizadas. Isso é legal para a autoestima”, destaca.

Quando entrevistado pela última vez, em março deste ano, o artista ressaltou que o projeto era fazer um livro com todas as histórias que foram desenhadas. Segundo ele, como os quadrinhos agradam todas as gerações, ele tinha essa vontade. Passado pouco mais de seis meses, o livro está quase pronto. O projeto será lançado em breve, numa parceria com a Secretaria Municipal de Educação (SMED).

Entretanto, mesmo faltando pouco para o lançamento do primeiro livro do autor, Aguiar já começou a pensar nos próximos projetos e uma sequência do “Memórias em Quadrinhos” já está sendo desenvolvida. “O projeto não para por aqui. Eu quero ter um segundo livro ainda. A ideia é lançar uma segunda obra e chegar em 50 histórias publicadas”, conta o alvoradense.

COMENTÁRIOS ( )