Sexta-Feira, 12 de Agosto de 2022 |

Estudante da Escola Vale Verde é selecionada em concurso de literatura

O Prêmio Espantaxim 2020/21 selecionou o texto escrito pela aluna Cecília Moraes

Por Redação em 01 de Julho de 2022

"Cecília tem dez anos de idade e está no sexto ano da escola" (Foto: Divulgação)


A VI edição do Concurso Nacional Literário Infantil 2020/21 – Prêmio Espantaxim divulgou na última semana os textos selecionados para compor a antologia deste ano. Dentre os 3.3 mil textos enviados de 15 estados, 246 foram selecionados para se tornar o livro. Um destes contos é da alvoradense Cecília Moraes, estudante da Escola Vale Verde, no Bairro Piratini.

Neste ano, o tema do concurso era as quatro estações e a história escrita por Cecília se chama ‘O Verão Magico’. Em entrevista, a jovem contou sobre o que se trata sua história selecionada para compor a antologia. “O texto é sobre uma menina que vai para a praia com os pais e, no mar, aparecem golfinhos mágicos que somente ela pode ver”, conta a estudante.

Cecília tem dez anos de idade e está no sexto ano da escola. Ela conta que sempre gostou de ler e que, desde pequena, sempre lia histórias em quadrinhos e escrevia muitas histórias. Para ela, ter um texto publicado em um livro é motivo de muito orgulho e ela está ansiosa pelo lançamento oficial e entrega da obra. "Fiquei muito feliz, e achei muito legal”, encerra a jovem.

Esse sentimento de euforia é dividido com os pais. A mãe da jovem conta que sempre houve o incentivo da leitura com a filha. “A escrita é uma forma espontânea que ela tem desde quando se alfabetizou. Sempre gostou de imaginar e fantasiar momentos. O futuro para aquele que lê sempre será lindo e com mais clareza para auxiliar a vida”, enfatiza Daiane Moraes.

O trabalho na escola

Daiane conta que a história foi produzida durante a pandemia, quando as aulas presenciais estavam sendo retomada. “Ela estava eufórica com a possibilidade de tudo voltar ao normal. Foram tempos difíceis a grande motivação veio da escola”, pondera a mãe. Segundo ela, foi através de duas professoras que lhe motivaram e auxiliaram no interesse com a leitura.

Uma dessas profissionais foi Viviane Holstein. Ela conta que soube do concurso através das redes sociais e, como a redação é um tema abordado regularmente em sala de aula, foi planejada a participação neste concurso e a aluna se interessou. “É uma emoção muito grande. A Cecília é muito dedicada, gosta de ler e escrever. Adora criar histórias. Estou muito feliz pela conquista da nossa aluna, ela merece”, confessa a professora.

Serviço

Além de terem seus trabalhos publicados, na cerimônia de entrega, todos os premiados, vencedores e selecionados; receberão três exemplares da VI Antologia e também o exclusivo boneco do personagem Espantaxim – mascote do Prêmio. A cerimônia deverá ser realizada ainda em 2022, em São Paulo (SP), em data e local a serem definidos – as informações ainda não foram divulgadas.

COMENTÁRIOS ( )