Quarta-Feira, 28 de Outubro de 2020 |

Após perder na estreia, Rabelo tem folga e contará com mais tempo para trabalhar

Clube saiu derrotado pelo placar de dois a um contra a S.E.R. Canoense

Por Redação em 02 de Outubro de 2020

"A Rabelo terá uma semana livre para treinar e aperfeiçoar o time depois da derrota na estreia" (Foto: Divulgação)


A Rabelo estreou no último domingo, 27/09, pela Série Ouro de 2020. O adversário foi a S.E.R. Canoense, que até ano passado também jogava em Alvorada. Com isso, o clássico tomou proporções de revanche, afinal a equipe de Canoas eliminou a Rabelo da Série Ouro do último ano. Contudo, o resultado não foi o esperado pela equipe alvoradense.

O time da Rabelo foi até Bento Gonçalves e perdeu pelo placar de dois a um, ficando assim na quarta colocação de seu grupo – passam os dois primeiros de cada chave. O treinador Paulo Zanata falou sobre o resultado. “A estreia não foi o resultado que merecíamos, pois, o goleiro deles foi o destaque. Mas se tratando da equipe com vários meninos que nunca tinham jogado a série ouro, foi muito bom”, salienta o técnico.

Segundo Zanata, mesmo os jovens não sentiram o peso da partida. “Dói perder um jogo que poderíamos ter ganho com folga. Pois os rapazes jogaram acuados os 40 minutos. Chutaram cinco bolas no nosso gol em todo o jogo. Duas foram gol, duas o Bruno defendeu e uma para fora. Nós chutamos 18 bolas no gol deles. Fizemos um gol, uma bola na trave, 12 defesas do goleiro deles e cinco para fora”, relata o treinador.

Semana de folga

Como o grupo da Rabelo conta com cinco equipes, cada time folgará uma semana. Nesse domingo a Rabelo não joga e o treinador pretende utilizar o tempo para aprimorar os trabalhos. “Está folga vai nos ajudar a ajustar nossa equipe, principalmente nossas finalizações. São seis treinos até o jogo extremamente difícil contra o Passo Fundo que está jogando a liga também”, afirma Zanata.

Projeções para a competição

Como todos os jogos foram no mesmo dia e local, Zanata pode conhecer mais dos seus adversários e analisa as chances da Rabelo no torneio. “Olha as equipes estão muito parelhas, as que se sobressaíram nesta primeira rodada foram a ASSOEVA, Passo Fundo e BGF. Principalmente pela parte física, onde eles estão treinando desde julho. Vamos enfrentar grandes equipes, mas acreditando sempre na vitória”, pondera o técnico Zanata.

Para o chefe do vestiário, essa competição em meio a pandemia tem dificuldades e a pior delas está nas arquibancadas. Ou melhor, não está nas arquibancadas. “A falta da nossa torcida é enorme, pois sempre empurra a equipe para vitória. E este torneio é diferente, é um jogo só sem ida e volta e jogamos sempre fora, sem jogar em nosso ginásio”, finaliza Zanata.

COMENTÁRIOS ( )