Domingo, 27 de Novembro de 2022 |

Copa Metropolitana de Karatê Kyokushin acontece no São Marcos no domingo

Evento, será organizado pelo Centro de Artes Marciais Dojo Alvorada

Por Redação em 23 de Setembro de 2022

"Imagens do último torneio realizado presencialmente, em 2019" (Foto: Divulgação)


No próximo domingo, 25/09, o ginásio da Escola e Faculdade Luterana São Marcos recebe o Metropolitan Cup de Karatê Kyokushin, torneio realizado pelo Centro de Artes Marciais Dojo Alvorada e com aval da World So Kyokushin, do Japão. O evento acontece a partir das 13h30 e o valor de entrada é 2kg de alimento não perecível. Essa é a sétima edição da Copa em Alvorada, sempre com a organização do sensei Alexsandro Schuck.

“Minha expectativa é a maior possível, pois é o primeiro (torneio) desde a reabertura das atividades ao público”, diz o sensei sobre o Copa deste ano – a primeira desde a pandemia da Covid-19. “Além disso, o evento marcará o aniversário de 10 anos do Dojo Alvorada no mesmo endereço”, completa Shuck, que recentemente recebeu homenagem na Câmara de Alvorada pelos serviços prestados à cidade. O caráter social será mantido no evento do próximo domingo. “Resolvemos, em parceria com a Igreja Batista Independente de Alvorada, fazer toda a doação dos alimentos arrecadados e também a doação do espaço da copa para arrecadar fundos para a igreja – que faz um lindo trabalho com o PROJETO AME”, afirma.

Schuck também falou sobre as tratativas com o Executivo para a realização do evento no Ginásio Municipal Tancredo Neves – que acabaram frustradas. “No Ginásio Municipal da cidade, sediamos (o torneio) uma única vez, em 2018. O projeto era realizar nos anos seguintes em parceria com a Prefeitura e a Secretaria de Cultura, Esporte e Juventude”, lembra. As reformas que o prédio recebeu em 2019 impediram a realização do certame.

As expectativas eram de que em 2022, com a volta dos eventos presenciais, o Ginásio Municipal voltasse a receber o evento. “Na minha opinião faltou organização e comunicação do setor em fazer a agenda semestral. Escolha do local, data e horário são marcados com pelo menos um ano antecedência”, conta Schuck. Apesar disso, ele comemora a recepção da escola São Marcos ao seu projeto. “Foi aprovado que a sétima edição fosse realizada na Escola São Marcos, onde os diretores nos receberam de braços abertos, acreditando em nosso trabalho – que é realizado a mais de 16 anos na cidade de Alvorada com muito profissionalismo e tradição”, afirma.

Artes Marciais e Educação

Como professor de educação física, Alexsandro acredita nas artes marciais como um alicerce para a formação de cidadãos e cidadãs. “Com um trabalho sério, a arte marcial ajuda e auxilia na educação e desenvolvimento das crianças e jovens, onde princípios básicos da educação, disciplina e respeito são colocados de forma bem prática para todos”, opina. “Os alunos que treinam no Dojo, deste muito crianças, já começam a ter esta noção da responsabilidade que devem ter; desde o cuidado com seus materiais de treino, limpeza do local e higienização. Estas atitudes refletem no seu âmbito familiar e nas escolas”, afirma.

O sensei reforça que valores como responsabilidade e respeito ao próximo são reforçados dentro do ambiente de seu centro de treinamento. “O respeito é tanto no Centro de Treinamento, que mesmo crianças e jovens ajudam aqueles que estão tendo a sua iniciação no karatê, ensinando as regras de cortesia para os novos que estão chegando”, afirma. Schuck celebra os esforços na realização do projeto. “Nós do Dojo Alvorada trabalhamos sério em prol das crianças e jovens da nossa cidade. Muitas vezes não temos apoio local, mas nunca desistimos de nossos sonhos em seguir em frente e buscar o melhor para os jovens da nossa cidade”, conclui.

COMENTÁRIOS ( )