Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020 |

Rabelo se prepara para buscar a primeira vitória e seguir vivo na Série Ouro de 2020

Clube enfrenta o Brasil-PEL precisando vencer para ter chances de classificação

Por Redação em 23 de Outubro de 2020

"Clube alvoradense ainda não conseguiu vencer na Série Ouro deste ano" (Foto: Elton Silveira/Seu Time na Rede)


A Rabelo se prepara para mais um confronto na Série Ouro. Nesse final de semana eles enfrentam o Brasil-PEL, em cidade ainda não definida. A partida é considerada de suma importância para a comissão técnica. Isso porque o clube é o lanterna de seu grupo – com zero pontos conquistados – e precisa da vitória para seguir vivo na competição e passar de fase na Série Ouro.

Em entrevista, o treinador Paulo Zanata explicou a importância da próxima partida para lutar pela classificação. “O próximo jogo ? vencer ou vencer. A partir de hoje vamos recomeçar os treinamentos em busca desta vitória. Somos obrigados a vencer, e sei que o grupo, a diretoria e a comissão técnica estão focados neste jogo”, salienta o chefe do vestiário da Rabelo.

Atualmente o clube é o lanterna e tem dois jogos para conquistar os seis pontos e se manter vivo na disputa – dependendo de resultados paralelos. “Este campeonato curto, não tem em casa ou fora, pois não podemos ter nosso combustível que ? o bafo da nossa torcida. São jogos equilibrados que a qualidade superior dos jogadores e a parte física fazem a diferença”, pondera Zanata.

Derrota em Alvorada

Na última semana, o clube alvoradense enfrentou o Passo Fundo Futsal e saiu derrotado pelo placar de seis a três. A partida, assim como as outras duas do final de semana, ocorreram em Alvorada, no Ginásio Municipal Tancredo Neves. Com isso, o clube do interior do estado se isolou na liderança e a equipe de Alvorada ficou na lanterna e sem nenhum ponto conquistado.

Zanata afirmou que o time fez uma boa partida e que todos sabiam das diferenças entre as duas equipes. “Eles treinam dois turnos todos os dias e folgam no domingo. Nós treinamos terça, quarta e sexta duas horas a noite, porque alguns trabalham. Fisicamente foram superiores, tecnicamente até equilibramos o jogo, chegando a estar 1x1 e nós melhor no jogo”, justifica o técnico.

Segundo ele, erros individuais fizeram com que o Passo Fundo ampliasse o placar e a Rabelo tivesse de correr atrás do resultado. “Gostaria de ter vencidos contra o Ser onde fomos infinitamente melhores e contra o Passo Fundo que é outra realidade, uma equipe profissional onde os atletas só fazem isto e jogam dois campeonatos ao mesmo tem, sendo líder nos dois”, finaliza Zanata.

COMENTÁRIOS ( )