Sbado, 27 de Fevereiro de 2021 |

Zagueiro Vinicius Machado é anunciado como novo reforço do Gama para 2021

Atleta estava no Operário antes de fechar o contrato de um ano com o clube do Distrito Federal

Por Redação em 15 de Janeiro de 2021

"No Gama o jogador disputará o campeonato estadual, Copa Verde, Copa do Brasil e a Série D" (Foto: Divulgação)


Com o fim da temporada atípica de pandemia do coronavírus se aproximando, os clubes brasileiros já começam a planejar seus elencos para os campeonatos de 2021. Com isso, o zagueiro alvoradense Vinicius Machado, com passagens por Juventude, Hercílio Luz, Pelotas, Democrata e Operário; foi anunciado como o novo defensor do Gama, do Distrito Federal.

Em entrevista, o zagueiro conta como chegou à proposta do clube que disputará quatro competições em 2021. “Eu estava conversando com um amigo que ia acertar com o Gama e o clube estava procurando um zagueiro. O meu nome surgiu e o auxiliar-técnico entrou em contato comigo para saber a minha situação. Eu tinha algumas propostas, mas não estava acertado com ninguém”, conta Machado.

O clube disputará quatro competições em 2021: campeonato estadual, Copa Verde, Copa do Brasil e Série D. “Eu tenho a perspectiva de que vamos chegar bem na Copa Verde e no Estadual. Isso é possível ver quando se conhece a estrutura, elenco e comissão técnica. O entorno do Gama é gigante e fará com que a gente vá bem. O nosso maior objetivo é conquistar o acesso para a Série C”, projeta o jogador Vinícius Machado.

Pandemia do coronavírus

O zagueiro falou sobre o impacto que a pandemia teve em sua carreira e no futebol brasileiro. “Eu estava muito bem antes da pandemia. Eu estava bem fisicamente e mentalmente, mas acabou trancando tudo. Para um jogador ficar quase três meses parado é muito complicado. Depois não consegui mais ter sequência. Foi muito complicado para toda a classe de jogadores e clubes”, finaliza Machado.

História em Alvorada

Filho de Luiz Carlos Francisco da Silva e Eunice Araujo Machado da Silva, Vinicius viveu sua vida toda em Alvorada, mais precisamente na Rua Jovelino de Souza. O atleta de 21 anos começou sua carreira no Sport Club Internacional, ainda com 11 anos de idade, dividindo os estudos com o futebol. No clube, Vinicius permaneceu por cinco anos.

Depois disso, aos 16, veio o maior desafio da carreira do adolescente: ir jogar no Vitória. Por lá o atleta permaneceu por sete meses e teve que viver distante da família pela primeira vez. Depois desse período, voltou para o Rio Grande do Sul, onde rodou por Caxias e São José, até chegar ao Juventude, em 2015. Porém, para quem acredita que foi “fácil” se engana. Isso porque não foi só uma vez que ele pensou em desistir.

Sua relação com Alvorada segue forte até os dias de hoje. Na cidade ele viveu sua infância no Bairro Bela Vista e nas escolas Alfredo Justo, Castro Alves e Salgado Filho. A proximidade e o apoio dos pais sempre foram o alicerce para Vinicius chegar onde chegou. Para o atleta, o seu Luiz Carlos e a dona Eunice, são as pessoas que ele busca sempre que algo o incomoda.

COMENTÁRIOS ( )