Quarta-Feira, 28 de Outubro de 2020 |

Accor Brasil analisa mercado de Alvorada para construção de projeto hoteleiro

Ainda não existem projetos concretos, mas o município está no radar da rede

Por Redação em 18 de Setembro de 2020

"Romulo Silva é diretor de desenvolvimento de franquias Accor Brasil" (Foto: Divulgação)


Nos últimos dias circulou na grande mídia notícias de que a Accor Brasil, responsável pelas redes de hotéis Íbis, Mercure e Novotel; poderia investir em Alvorada. Para compreender essa possibilidade, a reportagem do Jornal A Semana conversou com o diretor de desenvolvimento de franquias da Accor Brasil, Romulo Silva. Ele falou também sobre o impacto da pandemia no setor de hotelaria.

Segundo ele, houve uma queda de 90% do faturamento e cerca de 80% dos hotéis fecharam suas portas e devem retomar os trabalhos quando houver normalidade. “Porém, apesar de impactar o setor hoteleiro neste ano e provavelmente em 2021, os investimentos na área continuam, pois, o investidor hoteleiro não investe para três ou quatro anos, mas para 40 anos”, salienta Silva.

Contudo, mesmo com essa crise, Silva acredita que o mercado está se adaptando e inovando conforme o mercado. Isso porque as empresas precisaram desenvolver e oferecer novos produtos que atendessem às novas necessidades, e esse foi o caso da Accor. Confira o que o diretor de desenvolvimento de franquias pensa sobre o mercado de Alvorada para os próximos anos.

Jornal A Semana – Existem projetos para que uma das redes (Íbis, Mercure e Novotel) possa ter um hotel em Alvorada?
Rômulo Silva – Ainda não temos nenhum projeto construção na cidade. Entretanto, já tivemos alguns investidores interessados em desenvolver um projeto hoteleiro na região. É uma cidade que está no nosso radar e que tem crescido muito nos últimos anos, tanto economicamente quanto na quantidade de habitantes.

Jornal A Semana – Qual a importância que vocês vêm em Alvorada e porque a cidade poderia receber investimentos no setor?
Rômulo Silva – A cidade de Alvorada faz parte da Região Metropolitana de Porto Alegre e, além de Porto Alegre, faz divisa com outras cidades importantes como Cachoeirinha, Viamão e Gravataí. É uma das cidades mais populosas da região, com mais de 200 mil pessoas, e sem dúvida tem potencial de desenvolvimento econômico, com localização que favorece a logística para indústria e o turismo de negócios. Para a Accor, cidades desse porte, com mais de 80 mil habitantes e crescimento progressivo, tem potencial para desenvolvimento de novos projetos. Também é importante salientar que estamos com um plano de expansão do modelo de franquias, em especial locais que estejam fora das grandes capitais estaduais, e cidades como Alvorada são locais promissores para este tipo de negócio. Por esse motivo, estamos sempre atentos às novas oportunidades.

COMENTÁRIOS ( )