Sábado, 22 de Julho de 2017 |

Contas de água poderão ter descontos a partir de março por falta d’água

Vem aí um pequeno alívio no bolso. A Agergs, órgão...

Por Redação em 27 de Janeiro de 2017

"Agergs determinou que Corsan conceda descontos" (Foto: Arquivo A Semana)


Vem aí um pequeno alívio no bolso. A Agergs, órgão que fiscaliza a prestação de serviços públicos no Estado, determinou que a Corsan conceda descontos para os usuários de sete cidades da região metropolitana de Porto Alegre que sofreram com a falta d’água no início do mês de janeiro. Em Alvorada o desconto seria de 10,1%, relativos a uma média de 3,03 dias sem abastecimento. A direção da Corsan analisa a decisão e deve se pronunciar nos próximos dias.
A falta d’água em alguns bairros da cidade virou rotina nos primeiros dias do ano. O problema foi causado pelo rompimento de uma adutora de 600 milímetros de diâmetro. Mas afinal, você sabe o que é uma adutora?
Adutora é um canal ou conjunto de tubos que fazem o transporte da água da ETA (Estação de Tratamento de Água) até os reservatórios (popularmente conhecidos como caixas d’água). Quedas de energia elétrica e o desgaste natural, aliados a pressão da água são os principais fatores que levam ao rompimento das adutoras e à consequente interrupção do abastecimento.
O gerente da Corsan, Carlos Leite, explica que não se pode prever o rompimento das adutoras. “Nós controlamos conforme o bairro, através de manobras na rede, alterando a pressão da água conforme a demanda. Não podemos diminuir muito a pressão para não faltar água em bairros mais afastados do reservatório”, relata Leite. Em Alvorada, os bairros Piratini e Vila Elza foram os mais afetados pelas seguidas falhas no abastecimento ocorridas no início de janeiro.

COMENTÁRIOS ( )