Domingo, 17 de Janeiro de 2021 |

Câmara aprova orçamento da Prefeitura para o primeiro ano do próximo mandato

Serão quase R$ 516 milhões que a administração municipal terá disponível para 2021

Por Redação em 18 de Dezembro de 2020

"Alguns parlamentares utilizaram a tribuna na última sessão do ano para se despedir de seus eleitores" (Foto: Guilherme Wunder)


A Câmara de Vereadores realizou na noite de terça-feira, 16/12, a última sessão ordinária desta legislatura. Na oportunidade, foi votado e aprovado o orçamento municipal para o primeiro do próximo mandato de José Arno Appolo do Amaral (MDB). Ficou definido que a administração municipal terá R$ 513.952.582,00 para investir na cidade em 2021.

Esse valor representa o maior aumento de um ano para o outro desde que Appolo assumiu a Prefeitura. São aproximadamente 16,3% de aumento no orçamento – quando comparado com o aprovado em 2019 para valer em 2020. Além disso, o prefeito começa o novo mandato com um orçamento de, aproximadamente, 53,1% a mais do que teve quando assumiu em 2017.

Emenda do Legislativo

Já o vereador Cristiano Schumacher (PTB) apresentou uma emenda, que foi assinada pela maioria dos vereadores – somente Juliano Marinho (PSD) e Júlio Bala (MDB) se posicionaram publicamente contrários – que acresce valores ao orçamento da Câmara de Vereadores. Serão R$ 2 milhões a mais que a Prefeitura terá de repassar ao Legislativo no próximo ano.

Despedida de vereadores

Alguns parlamentares utilizaram a tribuna na última sessão do ano para se despedir de seus eleitores. Isso porque a maioria dos vereadores que falou não foi reeleita ou sequer concorreu ao cargo de vereador. Foi o caso de Juliano Marinho (PSD), Branquinho Borges (PP), Nelsinho Fernandes (PTB) e Arlindo Slayfer (PSD); que utilizaram os tempos de liderança para se posicionarem.

O presidente do Legislativo agradeceu ao apoio de todos e se colocou a disposição de seguir ajudando a cidade mesmo sem mandato. “É com muita alegria que eu encerro esse período importante da minha vida. Encerro com muitas coisas boas. Quero desejar sucesso aos próximos vereadores e pedir que trabalhem muito mais pela nossa cidade e pela nossa gente”, enfatiza Marinho.

Já Celmir Martello (DEM) foi o único vereador reeleito que usou a tribuna para se posicionar na última sessão do ano. “Nosso município precisa de ajuda e de projetos importantes. Que o nosso prefeito faça um mandato coerente, pois seguirei fiscalizando. O trabalho continua e eu seguirei cobrando a administração para um melhor trabalho. Além disso, sei que não estarei sozinho na oposição”, afirma o democrata.

COMENTÁRIOS ( )