Segunda-Feira, 10 de Agosto de 2020 |

Prefeito Appolo e presidente Juliano Marinho são diagnosticados com coronavírus

Devido a pandemia, prédios da Prefeitura e da Câmara passaram por processos de higienização

Por Redação em 24 de Julho de 2020

"Segundo relatos divulgados, Appolo havia apresentado sintomas gripais e acabou sendo hospitalizado devido à baixa oxigenação do sangue" (Foto: Divulgação)


A Prefeitura confirmou na noite de quarta-feira, 22/07, que o prefeito José Arno Appolo do Amaral (MDB) foi diagnosticado com o coronavírus. O chefe do Executivo estava afastado desde sexta-feira passada, quando fez os testes. Desde então quem está respondendo como prefeito é o vice Valter Slayfer (PL), que permanece no cargo pelo menos até o dia 30 de julho.

Segundo relatos divulgados nas redes sociais, ele havia apresentado sintomas gripais e acabou sendo hospitalizado devido à baixa oxigenação do sangue. A reportagem do Jornal A Semana tentou contato com Appolo, mas não obteve retorno até o fechamento da edição. Segundo a secretária de Saúde (SMS), Neusa Abruzzi, o chefe do Executivo está em situação estável.

Já Juliano Marinho (PSD), que já havia divulgado estar com suspeita de coronavírus, teve seu resultado confirmado na tarde de quarta-feira, 22/07. A reportagem também tentou contata-lo para compreender o impacto da doença no parlamentar, mas não obteve retorno até o fechamento da edição. Contudo, o presidente do Legislativo se pronunciou através de suas redes sociais.

O político afirmou que sabia dos riscos que corria por ser asmático e que agora vai se resguardar em isolamento domiciliar. “Nesses meses enfrentando a pandemia, li e ouvi desaforos absurdos, mas jamais baixei a cabeça. Tampouco deixei de defender a vida da nossa gente, fiz o melhor que pude. Propus vários projetos, ações e iniciativas para ajudar a combater esse vírus”, afirma

Ações de higienização

No início da semana, a Câmara de Vereadores já havia informado que havia outros casos confirmados e suspeitos dentro do Legislativo e, por causa disso, a sede do Legislativo passaria por um processo de higienização. Com isso, o prédio fica fechado até, pelo menos, terça-feira, 28/07. Devido a essa medida, não houve sessão ordinária nessa semana. Ainda não se sabe sobre os cronogramas dos próximos dias.

A Prefeitura também promoveu uma higienização no prédio e, por causa disso, não houve expediente na tarde de quarta-feira, 22/07, e em toda a quinta-feira, 23/07. O motivo é poder dar mais segurança aos servidores públicos e a população que depende dos serviços ofertados pela administração municipal. Na sexta-feira, 24/07, o expediente retorna à normalidade.

Outros parlamentares

Na quinta-feira, 23/07, outros parlamentares também foram afetados pela doença. Júlio Bala (MDB) teve o teste positivado e está em isolamento domiciliar. Segundo ele, o seu médico está realizando o acompanhamento a distância e ele está cuidando a oxigenação do sangue. Ele afirma sentir bastante fadiga em casa. Já Airton Pacheco (MDB) também está com sintomas, mas aguarda o resultado dos exames.

Casos na região metropolitana

Além de José Arno Appolo do Amaral (MDB) em Alvorada, outras cidades da região metropolitana também foram afetadas pela pandemia. O prefeito de Viamão, Russinho (MDB) faleceu devido ao coronavírus. Já o prefeito de São Leopoldo, Ary Jose Vanazzi (PT), também foi diagnosticado com a doença. Esses foram os primeiros casos envolvendo prefeitos na região metropolitana.

COMENTÁRIOS ( )