Sexta-Feira, 07 de Outubro de 2022 |

Sensei Senhor Alexsandro Schuck é homenageado pela Câmara de Vereadores

Professor de artes marciais recebe título de Cidadão Honorário de Alvorada

Por Redação em 16 de Setembro de 2022

"A homenagem já havia sido aprovada de forma unânime pela Câmara" (Foto: Guilherme Wunder)


Em sessão ordinária na última terça-feira, 13/09, a Câmara de Vereadores prestou homenagem ao sensei Alexsandro Schuck. O professor, nascido em Rio Pardo, dá aulas de artes marciais em Alvorada há mais de 10 anos – e tem desenvolvido projetos sociais na cidade desde então. Ele ganha o título de Cidadão Honorário do município. O projeto é de autoria do vereador Júlio Bala (MDB).

Schuck tem quarenta anos e veio para Alvorada no ano de 1993. Em 2010, foi indicado pela matriz no Japão para prestar o exame de faixa preta e sensei de karatê. Abriu, em 2012, um Centro de Treinamento em Artes Marciais chamado DOJO ALVORADA, que está até hoje no mesmo endereço e possui dezenas de alunos. Criou o projeto “Alunos Dedicados na Escola”, integrando ensinamentos da arte marcial nas escolas do município, além de ministrar aulas de autodefesa para professores.

O vereador Júlio Bala usou a tribuna para agradecer aos demais vereadores, que aprovaram por unanimidade a homenagem ao sensei. “Essa casa tem responsabilidade de ver as coisas que acontecem dentro de Alvorada. Queremos te abraçar para fazer mais pela cidade, pela crianças”, disse Bala, que reforçou a necessidade de valorizar as pessoas que atuam com projetos sociais no município. “Temos que valorizar as pessoas que querem fazer pela nossa cidade. Nossa cidade é carente, precisa tirar as crianças da rua, do tráfico. E é dentro da cultura, no futebol, no CTG, na capoeira que elas ficarão longe disso”, comenta.

Alexsandro agradeceu a honraria e fez uma pedido para que o poder público valorize as pessoas que exercem projetos sociais na cidade. “Nossa cidade é muito grande e tem muitas pessoas que fazem projetos excelentes e que não são vistos. Temos que pensar na nossa cidade e não em benefício próprio”, comentou.

Aprovada LOA de 2023

Além disso, a câmara aprovou, em primeiro turno, a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LOA) de 2023. O Projeto de Lei (PL) do poder executivo visa estabelecer as metas financeiras para a execução orçamentária do município para o próximo ano. A casa aprovou por unanimidade o PL por 14 votos a zero.

Foi convocada uma sessão extraordinária para a próxima quinta-feira, 15/09, para deliberar sobre as minúcias do projeto e votá-lo em segundo turno. Não foi possível apurar o resultado da votação antes do fechamento desta edição.

COMENTÁRIOS ( )