Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021 |

Alvorada ultrapassa os 500 casos em uma semana pela primeira vez desde o início da pandemia do coronavírus

Além disso, devido ao fechamento antecipado da edição, número de dias contabilizados é menor do que outras semanas

Por Redação em 24 de Dezembro de 2020

"Os 509 casos em uma semana é um recorde dentro da cidade em um período tão curto de tempo" (Foto: Arquivo A Semana)


O Governo do Estado divulgou na tarde de quarta-feira, 23/12, o seu mais recente boletim epidemiológico da pandemia do coronavírus. Assim é possível averiguar que Alvorada está com 7.733 casos confirmados desde a primeira quinzena de março, quando foi confirmado o primeiro paciente alvoradense. Além disso, já são 221 óbitos causados pela doença.

Nessa semana foram confirmados mais 509 casos. Isso é mais do que na última semana, quando foram 489 pacientes contaminados em sete dias. O número de óbitos também subiu. Enquanto na última semana haviam sido confirmadas nove vítimas da pandemia, nessa semana o número aumentou para dez. Os dados de pacientes recuperados, isolados e hospitalizados foi divulgado pela Prefeitura no início da semana.

No boletim epidemiológico municipal de terça-feira, 15/12, já havia 7.659 casos confirmados. Desses, 6.958 já estão reestabelecidos. Ainda existem 419 alvoradenses em isolamento domiciliar e 68 hospitalizados. Na terça-feira, por volta das 16h – quando foi divulgado o ofício – já eram 214 mortes confirmadas pela pandemia do coronavírus dentro do município.

Distanciamento controlado

Excepcionalmente nas próximas duas semanas, em decorrência dos feriados de Natal e Ano Novo (nos dias 25 de dezembro e 1º de janeiro de 2021), o mapa preliminar do Distanciamento Controlado será divulgado às 19h, e não às 18h, como ocorre normalmente. Já o horário do mapa definitivo, que é divulgado nas segundas-feiras, será mantido às 16h30.

Com a alteração no horário de divulgação, o prazo para envio de recursos de municípios e associações regionais também sofre mudanças, podendo ser enviados até às 7h do domingo. Ou seja, 36 horas após a publicação do mapa, conforme prevê o decreto estadual. Da mesma forma, ficam mantidas as reuniões do Gabinete de Crise. A divulgação do mapa é feita nos sites do Distanciamento Controlado e do Estado.

Cuidados no veraneio

A temporada de veraneio que está chegando será muito diferente, diante da pandemia de Covid-19. Por isso, o Estado decidiu intensificar ações para que gaúchos e turistas possam ter um verão mais seguro, seja no litoral, nas praias de água doce ou nas estradas. Entre as medidas estão a antecipação de R$ 6 milhões para hospitais e municípios do litoral que terão aumento populacional ao longo dos próximos meses, de forma a garantir que o bom atendimento em hospitais e postos de saúde, e o reforço do efetivo da Segurança Pública nas praias e da fiscalização nas estradas.

A secretária da Comunicação, Tânia Moreira, reforça que a campanha tem como foco a conscientização a respeito dos protocolos sanitários: o que pode e o que não pode fazer e os cuidados que os veranistas precisam ter para garantir a segurança de si mesmos e dos outros. Para isso, além da parceria com a Secretaria da Saúde e o Gabinete de Crise, a Secretaria de Comunicação fez um acordo de cooperação com a Empresa Gaúcha de Rodovias e com a CCR Via Sul para que seja disponibilizado materiais educativos em cancelas de pedágio, muretas, outdoors e nos locais por onde os veranistas passam.

COMENTÁRIOS ( )