Tera-Feira, 20 de Outubro de 2020 |

Carta do leitor

A chuva

Por Redação em 11 de Maio de 2018


Como é bom sentir a chuva
Em meu rosto a declinar
Como pétalas de orvalho
Ao meu ser fica a molhar

Tua neblina tão gostosa
Quando tu cai logo me agito
Ninguém consegue ver teu começo
Quando desces do infinito

Chuva natureza tão real
Que sobre a terra declina
Regando terra, campos e flores
Cumprindo a uma ordem divina

Agradeço a Deus quando contemplo
As belezas do universo, fontes de minha meta
Pelo dom das inspirações, sou simples escritor
Mas somente tu, ó Criador
É o grande poeta.

Pensamento
Não te irrites com a chuva que cai aqui e não no deserto.
Não te zangue com seus pingos, apenas receba com um gostoso sorriso e braços abertos.

Jorge Estolfo

COMENTÁRIOS ()