Sexta-Feira, 15 de Dezembro de 2017 |

Carta do leitor

Responsabilidade Social – XI

Por Redação em 18 de Novembro de 2015


Até quando repisar-se-á sobre esta tecla tão pouco compreendida e menosprezada: a roubalheira, legal e institucionalmente estruturada?...

1) SALÁRIOS/APOSENTADORIAS: eticamente, se isto for compreensível, nem um ente politico pode legislar em causa própria! Afunilando: salários de senadores, deputados (federais e estaduais) e vereadores, ; idem para Presidente, Governadores e Prefeitos. Os percentuais atribuídos aos estaduais e municipais, em relação inicial aos federais. Igualmente essas incongruentes, ilógicas e safadas, vitalícias aposentadorias de Presidente e Governador, após míseros quatro (4) anos de permanecia no cargo, sem nenhuma cobrança social de seu desempenho. O correto é contar tempo para se aposentar, como o normal para todo o Brasileiro (30, 35 anos). E porque salários tão díspares, altos (R$26.900,00) para deputado estadual, gaúcho (mais de 34 salários mínimos)?
Da mesma maneira para Juízes, Desembargadores, Ministério Público.
Nota: Judiciário Federal, ignorando a periclitante situação financeira Federal, pleiteia, insiste em aumentar seus salários (os maiores do governo) em 70%! Quem pensam que são?!... São como todo funcionário público, incluindo os “políticos” empregados da roubada População Brasileira!

2) CORPO HUMANO: nosso mais precioso bem, é, por demais, um grande desconhecido, uma incógnita de dimensão incalculável. A quase totalidade das pessoas desconhece a macroscópica composição de seu organismo: quantos ossos temos? Qual o volume médio de sangue circula por artérias, veias e capilares, carregando o que? Qual a sua função básica?... E as glândulas endócrinas servem para que? Quais são e onde se localizam? O ar, os líquidos e alimentos para servem?... E nossas emoções influem em que?...

3) FINANÇAS:
A) – RS: verdadeiramente, nem um órgão público enxerga onde está o dinheiro para solucionar nossa situação. Espera-se, embora não mais acreditando tanto, quando do inicio do atual Governo, que pelo menos o Sr. Governador Sartori, afaste, imediatamente, os secretários que mais atrapalham: Fazenda, Educação (deve ser Ensino) e Saúde (deve ser Doença). Caso queira é só pedir auxílio.
B) Federal:
a) Banco estrangeiro não pode receber depósito de pessoa física ou jurídica (Santander, HSBC, City, etc). Segundo se sabe, desde 1957, os Estados Unidos da América do Norte não o permitem.
b) – Como o ministro da Fazenda, Levy, não respondeu a continha proposta (poupança/cartão) sugere-se que, pelo menos, a remuneração da poupança, CDB e RDB, seja, no mínimo, mensalmente, 50% dos juros cobrados pelos Bancos.

4) A estrela ALFA do triângulo Austral e que representa nosso Rio Grande do Sul, em nossa Bandeira Nacional, está (a mais distante) há 415 anos-luz.
QUOUSQUE TANDEM ABUTERE... (Até quando abusarão...)

Alvorada, 17/11/15-12:55
João Mariano Volcato
PS: - As aparências, nessa vastidão ignara, se sobrepõem.

COMENTÁRIOS ()