Domingo, 19 de Novembro de 2017 |

Editorial

De igual forma de 1992: Que Deus nos ajude!

Por Redação em 07 de Outubro de 2016


No último domingo tivemos a oportunidade de cumprir nosso dever máximo como cidadãos brasileiros ao escolher nossos representantes que a partir de 2017 estarão frente ao Legislativo e Executivo.

Escolhemos quem nos comandará até 2020 e terão em suas mãos a oportunidade de dar um novo rumo ao município. Escolhemos o ex-prefeito, vereador e delegado, José Arno Appolo do Amaral, o vereador Valter Slayfer como seu vice e que totalizaram 31.414 votos. No legislativo houve a renovação de oito vereadores, sendo que alguns já ocuparam assento no legislativo.

Mas o que chamou a atenção de todos foi o grande número de cidadãos que anularam, votaram em branco ou se abstiveram de votar em algum representante. Isto demonstra a grande insatisfação de parte dos alvoradenses e brasileiros com a atual situação política em que vivemos. O numero daqueles aptos a votar que não deram o seu voto (38.547) foi maior se compararmos com os que Appolo recebeu, somando 31.414 votos válidos.

Da mesma forma que acontece em todas as votações há os que aprovaram e os que não aprovam Appolo como prefeito. E isso é algo salutar, já que vivemos num país democrático e a democracia deve ser preservada.

Em contato com o prefeito eleito, ouvimos dele seus anseios, mas também os desafios que enfrentará até 2020, quando deverá acabar seu governo. É sabedor e conforme suas palavras, pretende realizar um bom trabalho, pois durante sua campanha, só prometeu o que poderia cumprir.
Assim está escrito no Editorial da edição do dia 09 de outubro de 1992, quando Appolo já havia sido eleito, “Oxalá que tenha êxito e consiga realizar bom governo, tarefa nada fácil em tempos minguados como os atuais. Mas há, ao menos otimismo no ar. Collor está fora do Governo; Itamar Franco representa uma nova perspectiva. É com ela que assume José Arno Appolo do Amaral. Que Deus o ajude e ajude a todos nós”. Em 2016, trocamos Collor por Dilma Rousseff e Michel Temer por Itamar Franco, mas não modificamos o desejo que Deus o ajude nesta trajetória que se encerra em 2020. E que Deus nos abençoe!

COMENTÁRIOS ()