Tera-Feira, 04 de Agosto de 2020 |

Editorial

Desfiles que refletem o orgulho

Por Redação em 20 de Setembro de 2019


Alvorada foi e será tomada por desfiles. Isso já é tradicional em todo o Rio Grande do Sul no mês de setembro. É nesse período que existem os desfiles cívicos – referentes à Independência do Brasil – e do dia 20 de setembro – alusivos à Revolução Farroupilha. Ambas as celebrações são demonstrações das comunidades escolares e dos tradicionalistas sobre o orgulho que tem por estes movimentos.

Contudo, os desfiles ganham um destaque a mais em Alvorada. Isso porque, entre os dias sete e 20 de setembro, é celebrado o aniversário do município (17 de setembro). Isso faz com que se aflore na cidade sentimentos de orgulho do que temos e debates do que podemos melhorar. É um momento de autocrítica e de análise da vida dentro da cidade.

Alvorada é uma cidade nova, ainda mais comparada às outras duas datas em questão, mas todos têm no que melhorar e isso fica claro em momentos como esse. No sete de setembro é preciso celebrar a independência do país, porém é o momento de refletir a atual situação do Brasil, sem fanatismos, e analisar o que todos podem fazer para que ele volte a crescer.

No Rio Grande do Sul é a mesma coisa. Todos os gaúchos cantam a plenos pulmões “... sirvam nossas façanhas de modelo a toda terra...”, mas também é necessário renovar isso. No passado, o Estado foi valente para buscar uma revolução, hoje essa coragem é também necessária. Não com armas nas mãos e buscando uma guerra, mas com inventividade para sair da crise econômica.

E, por último, em Alvorada. A cidade pode ser pobre em aspectos financeiros, mas é rica em um povo trabalhador e que quer uma vida melhor. Já foi dito que Alvorada pode ser considerada a capital dos gaúchos, afinal muitos conterrâneos do nosso estado vieram tentar a vida em Porto Alegre no passado e acabaram se instalando na jovem Alvorada, que outrora se emancipou.

No hino, escrito por Estelamaris Oliveira Cezar, tem um trecho que diz: “... Este povo que trabalha, seu suor te faz crescer. Força, garra e coragem...”. É isso que reflete a força do alvoradense. Por isso que é importante pensar sempre em um país, estado e município melhor para todos, porém se isso não é possível, que se utilizem datas como essa para refletir no que pode ser feito para que se tenha um mundo melhor.

COMENTÁRIOS ()