Sexta-Feira, 04 de Dezembro de 2020 |

Editorial

O lado bom das coisas

Por Redação em 03 de Abril de 2020


O coronavírus está aí e todos sabem disso. Não existem muitas alternativas, afinal a doença ainda não tem um tratamento ou cura. O mais indicado é ficar em casa, em isolamento social. Por causa disso foram fechadas as escolas e comércios que não são considerados essenciais para a população. A ideia é que, quanto menos contato com outras pessoas, menos são as chances de contrair e passar a doença.

Todos têm ciência das dificuldades que surgem em momentos como esses, mas sempre existe o lado bom das coisas. Pelo menos é necessário repensar e tentar encontrar pontos positivos em momentos como esse. Um deles é poder ficar em casa, aproveitando com a família e fora da rotina incontrolável do trabalho. Agora todos tem tempo para brincar, conversar e fazer coisas juntos dentro de casa.

Sabe aquele livro que está na prateleira a meses esperando ser lido? Esse é o momento de devora-lo. Lembra daquela lista de séries e filmes que estão esperando na Netflix para serem vistos? Porque não colocar tudo em dia agora, com bastante pipoca e refrigerante. Colocar os prazeres que muitas vezes ficam em segundo ou terceiro plano em dia é o melhor que se pode fazer.

Isso sem falar de resgatar aquele velho jogo de tabuleiro e fazer uma jogatina com sua família ou ainda lembrar de histórias de quando eram mais jovens e passa-las para as próximas gerações – quem não gosta de ouvir causos de seus pais e se surpreender com eles? Esse é o momento de apreciar as coisas boas que o isolamento social e a quarentena podem ofertar.

Também pode ser o momento de organizar a casa, arrumar a prateleira de livros e finalmente pendurar aquele quadro que espera há meses no chão da dispensa. Por que não rever fotos antigas e matar a saudade daqueles momentos e pessoas que já não estão mais entre nós? Com certeza isso fará com que você aproveite ainda mais as pessoas que estão do seu lado.

Infelizmente esse não é o momento de fazer grandes encontros, comemorar aniversários e trabalhar. Estamos em um momento de reclusão necessária para que, em poucas semanas, podermos voltar a nossa rotina. Isso vai fazer com que a saudade aumente ainda mais e os próximos encontros sejam mais proveitosos. Sem falar que, se você terá que ficar em casa, por que não aproveitar o lado bom das coisas?

COMENTÁRIOS ()