Quarta-Feira, 26 de Julho de 2017 |

Editorial

Temendo mudanças

Por Redação em 09 de Novembro de 2012


Toda a mudança de governo municipal nos parece traumática. Ao longo da história da cidade, muitas foram as situações em que a comunidade se sentiu prejudicada pela troca de prefeitos, pela transição de governo.
Em Alvorada, houve época em que a cidade ficou sem recolhimento regular de lixo por meses!
Mas, nos parece que o momento em que vivemos hoje é o mais grave. Quem sabe cumprindo o ditado popular que afirma que o povo não tem memória... Mas hoje a cidade nos representa estar em estado de abandono com relação a situações importantes, como é o caso das sinaleiras de trânsito, que não podem ser consertadas devido à suspensão judicial do contrato, sendo que o Executivo não pode tomar providências, já que encerra suas atividades em menos de dois meses.
Há ainda apreensão de parte da comunidade e também de funcionários municipais quanto à continuidade de diversos projetos na área da saúde, educação e assistência social.
Muitos deles são programas estaduais ou federais, podem considerar aqueles que defendem as mudanças, contudo são aplicados na cidade com o olhar de Alvorada, o olhar da atual administração, e isso deve mudar.
E há ainda aqueles que são municipais, desenvolvido com verbas dos cofres da Prefeitura, sendo que muitos deles já foram suspensos ou funcionam com estrutura mínima, graças ao encontro de contas que o atual governo municipal deve realizar ao se afastar do Paço Municipal em 31 de dezembro próximo.
Novamente os que defendem mudanças afirmam que as boas ideias seguem, sem grandes mudanças. Mas nos ocorre que avaliar o que é uma boa ou má ideia é algo subjetivo, o que justifica a apreensão de tantos.
Temos cerca de 50 dias até o final do ano, e as perspectivas não nos parecem as melhores.
Então, que venha 2013! E que venha a galope...

COMENTÁRIOS ()