Segunda-Feira, 19 de Outubro de 2020 |

Editorial

#VoteConsciente

Por Redação em 05 de Outubro de 2018


Finalmente, após meses de espera, chegou o final de semana mais importante de 2018. É neste domingo que acontecem as eleições para presidente, governador, senadores, deputado federal e estadual. Talvez essa seja a eleição mais importante e polarizada da nossa história e será através da democracia e do voto consciente que o futuro do Rio Grande do Sul e do Brasil será alterado – ou não.

Óbvio que todos têm ciência do que fazem os deputados e qual o papel desempenhado pelo senador no Congresso Nacional; contudo o que muitos esperam é o resultado das eleições para governador e presidente. Como está escrito neste editorial, nunca nestes 30 anos de Jornal A Semana se viu uma eleição tão polarizada e com tantas pesquisas apontando diversidades de pontuações.

É muito difícil de o Brasil ou o Rio Grande do Sul escapar deste cenário. E com os noticiários, levantamentos de pesquisas e debates no final de campanha, os panoramas podem mudar sensivelmente e poderá ocorrer o segundo turno para os cargos de governador do Estado e Presidente da República.

No caso de governador, a grande maioria dos candidatos, apesar de todos os esforços, foram entrevistados pelo Jornal A Semana, em sua maior cobertura de eleições majoritárias já realizadas.
Para todos os cinco candidatos, a reportagem questionou sobre os principais pontos que atingem Alvorada: obras da Consulta Popular estagnadas, segurança pública e parcelamento dos salários. Todos apresentaram propostas sobre essas pautas e fizeram promessas de dias melhores para Alvorada. Agora é hora de o eleitor estudar essas entrevistas [compilado delas na página quatro] e definir o seu voto.

Já para presidente temos a maior discussão da história. Senão é a maior, com certeza é uma das maiores polarizações já vistas. De um lado tem o movimento #EleNão e do outro o PT e seus inúmeros casos de corrupção. Os dois têm números enormes de rejeição devido a declarações suas ou de lideranças de seus partidos e buscam nos indecisos ou em outros apoiadores a chance de se tornarem o novo presidente do país.

Nesse caso, o Jornal A Semana não entra no mérito do #EleNão ou #EleSim. Nossa ideia é seguir imparcial e comprometido com a verdade. Esse é o nosso lema, manifesto e valor que todos que passaram por esta redação defendem. Por isso aqui se defende a ideia do #VotoConsciente. Estude os planos de governo, pesquise e escolha quem acreditas, pois ele te representará pelos próximos quatro anos.

COMENTÁRIOS ()