Sexta-Feira, 04 de Dezembro de 2020 |

Você Lembra?

1406 - RICARDO

Por Redação em 11 de Janeiro de 2019


Ricardo foi um bom lateral esquerdo que marcou presença em vários clubes de diversos estados brasileiros. O seu nome completo é Ricardo Longhi sendo paulista da capital, onde nasceu no dia vinte e cinco de setembro de 1953. Iniciou suas atividades esportivas na base do São Paulo em 1971. Em 1973 foi para a base palmeirense. Em 1974 foi para o Paysandu. No ano seguinte veio para o futebol gaúcho contratado pelo Juventude. Os caxienses iam a campo com Roberto; Benazzi, Rubão, Gonçalves e Ricardo; Alcione, Elton e Assis; Freitas, Jaci e Soares. Em 1976 retornou ao Palmeiras que jogava com Leão; Valdir, Samuel, Arouca e Ricardo; Pires, Jorge Mendonça e Ademir da Guia; Toninho, Itamar e Ney. Em 1978 foi contratado pelo Bahia que ia a campo com Luiz Antônio; Toninho, Ademilton, Sapatão e Ricardo; Dil, Alberto e Altimar; Osni, Freitas e Jésum. No ano seguinte o tricolor baiano era escalado com Luiz Antônio; Toninho, Zé Augusto, Sapatão e Ricardo; Baiaco, Fito Teles e Douglas; Botelho, Cio e Severino. Em 1981, seu último ano na Fonte Nova o Bahia formava com Renato; Edinho, Zé Augusto, Paulo César e Ricardo; Emo, Léo Oliveira e Wellington Luiz; Helinho, Toninho Taino e Gilson. No ano seguinte foi contratado pelo Goiás que atuava com Gilberto; Marinho, Gilson Jader, Marcelo e Ricardo; Wilson Zanon, Carlos Alberto e Gerson Lopes; Cacau, Tarciso e Viana. Ricardo considera que Zezé Moreira foi o melhor técnico que teve a orientá-lo. Os melhores laterais esquerdos que viu em ação foram Junior, Marinho Chagas, Paul Breitner e Zé Carlos, ex Santos. Os melhores ponteiros direitos que enfrentou foram Valdomiro, Osni, Cafuringa, Lúcio e Roberto Batata. O seu ídolo nos gramados foi Clodoaldo. Hoje Ricardo reside em São Paulo onde exerce as atividades de Professor de Educação Física. Assim resgatamos a história futebolística de Ricardo Longhi, o Ricardo que foi um bom lateral esquerdo que marcou presença em gramados de vários estados brasileiros.

COMENTÁRIOS ()