Quarta-Feira, 23 de Agosto de 2017 |

Você Lembra?

Por César Freitas

1070- DARCI

Por Redação em 07 de Dezembro de 2012


Versatilidade foi umas maiores características de Darci, o nosso focalizado nesta edição. Atuava com igual eficiência nas tres posições da meia cancha. Dotado de boa técnica e excelente resistência física tanto apoiava seu ataque quanto protegia a sua zaga. Graças a essas qualidades atuou em importantes clubes de nosso Brasil. O seu nome completo é Darci Luiz Simon sendo natural de Campina das Missões, onde nasceu no dia vinte e cinco de junho de 1966. Iniciou suas atividades esportivas nas divisões inferiores do Grêmio, onde se profissionalizou. Em 1987 a equipe tricolor jogava com Mazaropi; Alfinete, Henrique, Luiz Eduardo e Casemiro; Cristovão, Darci e Bonamigo; Valdo, Lima e Jorge Veras. Em 1991 o Grêmio jogava com Sidmar; China, Luiz Fernando, Vilson e Marco Antônio; João Antônio, Caio e Darci; Mauricio Nilson e Assis. Em 1993 foi contratado pelo Santos que ia a campo com Veloso; Índio, Junior, Ricardo Rocha e Sérgio Manoel; Galo, Darci e Zé Renato; Almir, Cuca e Neizinho. No ano seguinte foi para o Atlético Mineiro que atuava com Humberto; Dinho, Luiz Eduardo, Adilson e Paulo Roberto; Valdir, Darci e Claiton; Zé Carlos, Gaúcho e Reinaldo. Em 1995 veio para o futebol carioca defender o Fluminense que era escalado com Wellerson; Ronald, Lima, Sorlei e Leandro Silva; Norberto, Darci e Vampeta; Renato Gaúcho, Valdeir e Rogerinho. No ano seguinte foi para o Bahia que jogava com Jean; Garrinchinha, Samuel, Vladimir e Hermes; Lima, Darci e Bobô; Juninho, Charles e Naldinho. Retornou ao futebol paulista em 1998 contratado pelo Palmeiras que ia a campo com Veloso; Arce, Cleber, Junior Baiano e Junior; Pedrinho, Darci e Alex; Paulo Nunes, Oséias e Zinho. Finalmente no ano seguinte encerrou sua movimentada carreira como atleta de futebol defendendo o Coritiba. O “Coxa” formava com Gilberto; Wilson Goiano, Leonardo, Flavio e Dutra; Struway, Darci e Yan; Basílio, Sinval e Kleber. Entre os inúmeros técnicos que teve, Darci destaca o trabalho de Luiz Felipe Scolari. O adversário mais difícil de ser marcado foi o saudoso Dener. O melhor marcador que teve foi Toninho Cerezo. Os seus gols inesquecíveis foram consignados nos jogos final da Copa do Brasil de 1998 entre Palmeiras X Santos, quando atuava no Verdão e no jogo Coritiba X Atlético PR, que valeu o título paranaense para o Coritiba em 1999. O seu ídolo nos gramados foi Ronaldo Fenônemo. Hoje Darci reside em Campina das Missões onde é proprietário de um Centro de Treinamentos e também empresário de jogadores. Assim, resgatamos a história futebolística de Darci Luiz Simon, o Darci que uma importante presença no futebol brasileiro nos últimos anos da década de oitenta e em toda a década de noventa.

COMENTÁRIOS ()