Sexta-Feira, 28 de Abril de 2017 |

Você Lembra?

Por César Freitas

1091- CARRLITOS

Por Redação em 10 de Maio de 2013


Carlitos, o nosso entrevistado nesta edição, foi um bom atacante que participou da campanha vitoriosa do Renner de 1954, quando o clube fabril conquistou o Gauchão daquele ano. Carlitos foi um polivalente atuando com igual eficiência nas duas pontas. O seu nome completo é Carlos Augusto Homerich, sendo natural de Tenente Portela, onde nasceu no dia primeiro de março de 1931. Iniciou suas atividades esportivas no Gaucho de Passo Fundo. A equipe do “Verdão” passo- fundense jogava em 1948 com Vencio; Barão e Telmo Aita; Bino, Vicente e Auro; Carlitos, Danilo, Clóvis, Chinesinho e Alexandre. Em 1950 foi contratado pelo Renner que ia a campo em 1953 com Valdir Morais; Bonzo, Enio Rodrigues, Olavio e Paulistinha; Ivo Andrade e Enio Andrade; Carlitos, Breno Mello, Juarez e Joecy. Carlitos permaneceu no Estádio Tiradentes até 1955. No ano seguinte foi contratado pelo Figueirense, onde logo a seguir encerrou suas atividades como atleta profissional. Carlitos considera que Selviro Rodrigues foi o melhor técnico que teve. Os melhores atacantes que viu em ação foram Bodinho e Larry. O seu melhor marcador foi Odorico. O seu gol inesquecível foi consignado no jogo Taquarense 0 X Renner 5. O seu ídolo nos gramados foi Pelé. Carlitos formou-se em odontologia e por muitos anos teve consultório na capital catarinense. Hoje aposentado reside em Camboriú. Assim, resgatamos a história futebolística de Carlos Augusto Homerich, o Carlitos que foi um bom atacante que marcou presença no nosso futebol na década de cincoenta.

COMENTÁRIOS ()