Terça-Feira, 19 de Setembro de 2017 |

Você Lembra?

Por César Freitas

1103- GIOVANE FLECK

Por Redação em 02 de Agosto de 2013


O futebol de Alvorada revelou para o futebol gaúcho excelentes atletas formados nos áureos anos do RS. Antes, como não havia clube profissional na cidade, muito poucos nativos da cidade tiveram destaque no nosso futebol. Entre essas exceções temos Giovane Fleck, o nosso focalizado nesta edição. Giovani Fleck foi um excelente meia com bom domínio de bola e detentor de um potente chute. O seu nome completo é Giovane Fleck Pereira e nasceu em Alvorada no dia vinte e seis de junho de 1977. Iniciou suas atividades esportivas no Glória, de Vacaria que em 1997 jogava com Carlos; Dejair, Pessali, Aguiar e Mauricio; Uana, Giovane Fleck, Vladimir e Grizzo; Zé Claudio e Luiz Ernesto. Em 1999 o Glória atuava com Alex; Flavinho, Flávio Santos, Aguiar e Márcio; Luiz Ernesto, Giovane Fleck e Uana; Sandro, Mauro e Ernestina. Após uma rápida passagem pelo Guarany, de Bagé onde se sagrou campeão da nossa Segundona em 1999, Giovane foi contratado pelo São José no primeiro semestre de 2000.A equipe “Zequinha” formava com Donizetti; Funé, Pessali, Luiz Eduardo e Xará; Lino, Giovane Fleck e Manú; Rossano, Jetson e Sérgio Winck. A seguir Giovane Fleck iniciou uma grande peregrinação por vários clubes de vários estados brasileiros como Botafogo de Ribeirão Preto-SP, Ceará,Anápolis – GO, Atlético de Chapecó-SC, Kindermam- Caçador-SC, Juventus de Jaraguá do Sul – SC. Em 2005 Giovane retornou para o futebol gaúcho contratado pelo Novo Hamburgo, que ia a campo com Luciano; Thiago, Dias, Sandro Blum e Gerson; Bagnara, Giovane Fleck e Preto; Evandro Brito, Adão e Naldinho. No segundo semestre desse ano retornou ao Juventus de Jaraguá do Sul- SC. A seguir esteve no Toledo do Paraná, Iguaçú –PR e Sorriso-MT para encerrar no Londrina em 2009. Tambem teve passagens pelo Brusque, Lages e São Bento, todos catarinenses. Giovane Fleck considera que Beto Almeida e Lula Pereira foram os melhores técnicos que teve a orientá-lo. O melhor meia que viu em ação foi o saudoso Cleber Luciano, ex Novo Hamburgo e Portuguesa de Desportos. O melhor marcador que enfrentou foi o paraguaio Enciso. O seu gol inesquecível foi consignado no jogo Glória 2 X Inter2 em Vacaria, quando marcou o primeiro gol de sua equipe. O seu ídolo nos gramados foi Zinedine Zidane. Hoje Giovane Fleck reside em Alvorada se sócio de seu pai numa fábrica de móveis na Vila Americana, em frente ao campo do Agriter. Assim, resgatamos a história futebolística de Giovane Fleck Pereira, o Giovane Fleck que inegavelmente foi um excelente atleta brilhando em diversos clubes de vários estados brasileiros.

COMENTÁRIOS ()