Terça-Feira, 27 de Junho de 2017 |

Você Lembra?

Por César Freitas

1106- NORONHA

Por Redação em 23 de Agosto de 2013


Ao longo dos anos Erechim teve dois clubes de futebol, que foram o Ypiranga e o Atlântico. Esses clubes sempre tiveram grande rivalidade. Com o passar dos anos o Atlântico não teve condições de acompanhar o Ypiranga, que construiu um grande estádio e assim pode continuar no futebol profissional, apesar de não fazer parte do grupo de elite do nosso Gauchão há alguns anos. O Atlântico, por sua vez seguiu sua trajetória optando por se tornar uma grande potencia no futsal. Até os anos sessenta o Atlântico formou grandes equipes e Noronha, o nosso focalizado nesta edição teve marcante atuação nessa fase do clube. Noronha foi um polivalente atuando com igual eficiência em toda a linha de zaga e como centro médio. O seu nome completo é Volmar Luiz Tagliari sendo natural de Guaporé, onde nasceu no dia quatro de julho de1937. O apelido Noronha é em alusão ao craque gaúcho Noronha que jogou muitos anos no São Paulo da capital paulista. Quem o viu em ação reconheceu semelhança com o craque pela sua alta técnica no trato da bola. Noronha iniciou suas atividades esportivas no Atlântico em 1954. No ano seguinte estava em Caxias do Sul defendendo o Juventude. Em 1957 retornou para o Atlântico que em 1962 jogava com Paulinho; Tiazza, Garcia, Noronha e Sebastião; Samuel, Thomazi, Maneca, Indio, Zé Carlos e Passatti. Noronha considera que o Dr. Fábio Koff, isso mesmo, o atual presidente do Grêmio, foi o melhor técnico que teve. O Dr. Fábio Koff foi seu técnico n o Atlântico. O melhor lateral esquerdo que viu em ação foi Nilton Santos. O atacante que lhe deu mais trabalho para ser marcado foi Larry Pinto de Faria. O seu gol inesquecível foi marcado no jogo Atlântico X Brasil, de Pelotas, quando cobrando uma falta venceu a pericia do arqueiro Geóvio. O seu ídolo nos gramados foi Thomaz Soares da Silva, o saudoso Zizinho. Hoje aposentado, Noronha reside em Erechim. Assim, resgatamos a história futebolística de Volmar Luiz Tagliari, o Noronha que inegavelmente teve marcante atuação no futebol de Erechim nas décadas de cinqüenta e sessenta.

COMENTÁRIOS ()