Sexta-Feira, 21 de Julho de 2017 |

Você Lembra?

Por César Freitas

1107- MADUREIRA

Por Redação em 30 de Agosto de 2013


Madureira, o nosso focalizado nesta edição, foi um excelente atacante, muito técnico e oportunista. O seu nome completo é Carlos Alberto Ferreira, sendo natural do Rio de Janeiro, onde nasceu no dia dezoito de agosto de 1941. Iniciou suas atividades esportivas no América carioca em 1961. No ano seguinte veio para Santa Catarina defender o Atlético Operário de onde foi contratado pelo Pelotas. Teve curta temporada no áureo cerúleo, pois logo veio para o Grêmio, passando a integrar uma equipe que jogava com Alberto; Valério, Airton, Aureo e Ortunho; Cleo e Milton; Marino, Madureira, Paulo Lumumba e Vieira.Permaneceu no Olímpico até 1964 quando foi contratado pelo Metropol de Criciuma.Em 1966 retornou ao seu estado natal para defender o Vasco da Gama que ia a campo com Edson; Ari, Brito, Fontana e Oldair; Maranhão e Salomão; Nado, Bianchini, Madureira e Danilo Menezes. Em 1967 retornou ao Metropol. No ano seguinte foi para o Ferroviário de Curitiba que atuava com Paulista; Pedrinho, Gibi, Brando e Luiz Carlos; Bira e Reginaldo; Ney, Madureira, Natal e Ademir. Em 1969 foi contratado pelo Palmeiras que jogava com Leão; Eurico, Luiz Pereira, Minuca e Zeca; Dudu e Ademir da Guia; Edu, Madureira, César e Pio. Em 1970 retornou ao futebol paranaense contratado pelo Atlético. A formação da equipe era Célio Maciel; Djalma Santos, Beline, Charão e Nilo; Nair, Paulista e Zé Roberto; Gildo, Madureira e Nilson. Em 1971 estava no Pinheiros que ia a campo com Silveira; Tadeu, Irã, Zezinho e Deda; Nininho, Ney e Orlando; Alex, Madureira e Zé Roberto. Em 1972 retornou ao Atlético Paranaense em 1974 retornou ao futebol paulista para atuar no XV de Novembro de Piracicaba onde encerrou suas atividades esportivas em 1975. Após deixar os gramados Madureira tornou-se técnico de futebol trabalhando no Vasco, América, Bonsucesso e São Cristovão.Ao longo de sua carreira Madureira teve vários treinadores. Destaca como melhor Sérgio Moacir Torres Nunes. O melhor atacante que viu em ação foi João Severiano. O zagueiro que melhor lhe marcou foi Luiz Carlos Lua. O seu gol inesquecível foi marcado no jogo Atlético PR X Santos quando venceu a perícia do goleiro Cláudio. Os seus ídolos nos gramados foram Pelé, Airton e Valdo. Hoje Madureira é funcionário aposentado da Embratel e reside no Rio de Janeiro. Madureira é irmão de Édson Madureira, lateral que jogou no Inter na década de setenta e foi o nosso “Você Lembra?” número 505. Assim, resgatamos a história futebolística de Carlos Alberto Ferreira, o Madureira, que teve marcou presença no futebol carioca, paulista, paranaense e gaúcho.

COMENTÁRIOS ()