Sexta-Feira, 28 de Julho de 2017 |

Você Lembra?

Por César Freitas

1113- GAUCHINHO

Por Redação em 11 de Outubro de 2013


Gauchinho, o nosso focalizado nesta edição, foi um bom atacante que atuou a maior parte de sua carreira como atleta de futebol em clubes fora do Rio Grande do Sul, seu estado natal. Em nosso estado só defendeu o Grêmio em 2000. O seu nome completo é Paulo Roberto Junges, sendo gaúcho de Selbach, onde nasceu no dia sete de maio de 1976. Iniciou suas atividades esportivas no Paraná, em 1997 que ia a campo com Ricardo Pinto; Denilson, Eleomar, Ageu e Ednelson; Reginaldo Vital, Reginaldo e Osmar; Bira, Caio Junior e Gauchinho. A seguir foi para o XV de Novembro de Piracicaba, e depois para o Cerro Portenho, do Paraguai, de onde veio para o Grêmio no ano de 2000. A equipe gremista jogava com Danrlei; Anderson Lima, Marinho, Nenê e Roger; Astrada, Rodrigo Mendes e Ronaldinho; Paulo Nunes, Gauchinho e Zinho. Em 2001 foi para o Goiás que formava com Harley; Indio, Rony, Edmilson e Mauricio; Marabá, Tulio e Zinho; Cassio, Gauchinho e Araujo. Posteriormente foi contratado pelo Avai, que era escalado com Flávio; Paulo Sérgio, Marcos Teles, Nailton e Luiz Fernando; Valdir Benedito, Marquinhos e Cleber; Mazinho, Gauchinho e Fantik. Posteriormente defendeu o Botafogo de Ribeirão Preto, América de Natal, Inter de Limeira, Cruz Azul do México, Guarani do Paraguai, União Bandeirantes do Paraná, Tolima da Colômbia, Luverdense do Mato Grosso, Ceilândia do Distrito Federal, Arabia Saudita, Mineiros de Goias e Brasilia do Distrito Federal, onde encerrou. Gauchinho considera que Murici Ramalho foi o melhor técnico que teve a orientá-lo. Os melhores atacantes que viu em ação foram Romário e Ronaldo Fenômeno. O zagueiro que melhor lhe marcou foi Gamarra. O seu gol inesquecível foi marcado no jogo Cerro Portenho X Palmeiras em jogo válido pela Libertadores de 1999. Os seus ídolos nos gramados foram Romário e Ronaldo Fenômeno. Hoje Gauchinho é o técnico do Brasilia da capital federal, tendo se sagrado campeão brasiliense deste ano. Assim, resgatamos a história futebolística de Paulo Roberto Junges, o Gauchinho, que foi um bom atacante que marcou presença em vários países e estados brasileiros inclusive no nosso.

COMENTÁRIOS ()