Domingo, 24 de Setembro de 2017 |

Você Lembra?

Por César Freitas

1189 - ANDERSON CEBOLA

Por Redação em 23 de Abril de 2015


A polivalência é uma das qualidades mais apreciadas pelos técnicos. Anderson Cebola, o nosso focalizado nesta edição foi mais um excelente polivalente de nosso futebol. Atuava com igual eficiência como lateral esquerdo, meia cancha e extrema canhota. Dono de uma boa habilidade no trato da bola e bastante movediço em campo, Anderson Cebola teve uma marcante passagem pelo nosso futebol. O seu nome completo é Anderson Arend sendo natural de Santa Maria onde nasceu no dia vinte e nove de janeiro de 1972. Em 1996 estava no Atlético de Carazinho que jogava com Jonas; Martins, Boni, Ivolmar e Luciano; Chicão, Funé e Jorge Luiz; Zé Clei, Amarildo e Anderson Cebola. No ano seguinte foi contratado pelo São José de Porto Alegre que atuava com com Alberto; Edinho, Leandro Carlos, André Bagé e Carlinhos;Pino, Lino e Anderson Cebola; Buda, Fábio e Senegal. No ano seguinte a equipe Zequinha, como é carinhosamente chamado o São José pela sua torcida formava com Donizete; Tostão, Leandro, Paulo Roberto e Anderson Cebola; Felipe, Lino e Vandeco; Sergio Winck, Flávio Leonetti e Arizinho. Em 2000 Anderson Cebola defendeu o Esportivo de Bento Gonçalves que ia a campo com Chico; Nilson, Paulo Roberto, Raul e Joel Sene; Vanderlei, Gabriel e Rivelino; Zé Clei, Vandick e Anderson Cebola. Em 2002 Anderson Cebola teve uma passagem pelo Universal de Quarai, para no ano seguinte retornar ao Esportivo da cidade “Capital do Vinho”que era escalado com Nivaldo; Tito, Aguiar, Eder e Joel Cavalo; Evanor, Guga e Lela; Sandro Gaúcho e Anderson Cebola. Entre os inúmeros técnicos que o dirigiu, Anderson Cebola destaca o trabalho de Vladimir Ropovic. O ponteiro esquerdo que lhe deu mais trabalho para ser marcado foi Eder. O melhor lateral que viu em ação foi Anderson Lima. Os seus gols inesquecíveis foram marcados numa vitória do Esportivo ante o Santa Cruz por três a dois . Nesse jogo marcou dois gols. O seu ídolo nos gramados é Diego Armando Maradona. Hoje Anderson Cebola reside em Santa Maria onde é proprietário de uma fábrica de bolsas e de uma loja. O apelido Cebola é porque quando pequeno era chamado de Cebolinha devido ao seu cabelo. Quando cresceu passou a Cebola. Assim, resgatamos a história de Anderson Arend, o Anderson Cebola que inegavelmente foi um dos melhores polivalentes do nosso futebol na época em que atuou.

COMENTÁRIOS ()