Quinta-Feira, 22 de Junho de 2017 |

Você Lembra?

Por César Freitas

1308- GEVERTON

Por Redação em 17 de Fevereiro de 2017


As divisões inferiores do Grêmio, ao longo dos anos formaram vários volantes bastante qualificados como Émerson, Valderez, Círio, Lucas, Géverton, o nosso entrevistado nesta edição, entre muitos outros. Géverton, cujo nome completo é Géverton Duarte é natural de Rio Grande onde nasceu no dia doze de janeiro de 1970. Iniciou suas atividades na base do Grêmio, onde se profissionalizou. Em 1989 o Grêmio jogava com Mazaropi; Fábio Lima, Luiz Fernando, Vilson e Hélcio; André, Géverton e Assis; Sérgio Araujo, Kita e Sinuê. No ano seguinte a equipe tricolor formava com Gomes; João Antônio, João Marcelo, Vilson e Hélcio; Géverton, Donizete e Darci; Mauricio, Caio e Assis. Depois de uma passagem pelo Coritiba em 1993 foi contratado pelo Criciúma que era escalado com Alexandre; Jairo Santos, Wilson, Omar e Nenê; Géverton, Silvio e Gelson; Anderson, Dauri e Jairo Lenzi. No ano seguinte retornou ao futebol gaúcho contratado pelo Caxias que ia a acampo com Agnaldo; Gilvan, Ariomar, Paulo Turra e Renê; Géverton, Joel Marcos e Eraldo; Elói, Brandão e Arizinho. Depois de uma passagem pelo Figueirense e pelo Comercial de Ribeirão Preto retornou ao nosso estado em 1996 para defender o Glória de Vacaria que era escalado com Carlos; Toninho Paraná, Pessali, Aguiar e Hélcio; Géverton, Uana e Edivan; Marcos Toloco, Alex e Neival. No mesmo ano foi contratado pelo Pelotas que jogava com Sandro; Vinicius, Vladimir, Eugênio e Édson Girardi; Géverton, Dinho e Grizzo; Gilson, Leco e Nazarildo. Em 1998 foi contratado pelo Brasil de Pelotas que era escalado com Cássio; Cleiton, Ademir, Pinga e Marquinhos; Vladimir, Géverton e Pino; Mauricinho, Adalberto e Alex Rodrigo. Géverton ainda teve passagens pelo Farroupilha de Pelotas e Guarani de Venâncio Aires. Géverton considera que Cláudio Duarte, Evaristo Macedo, Mano Menezes, Levir Culpi e Sérgio Ramirez foram os melhores técnicos que teve a orientá-lo. Os melhores volantes que viu em ação foram Jandir, Andrade e Junior. O meia mais difícil de ser marcado foi Assis. Os seus ídolos nos gramados são Luiz Eduardo, Mazaropi, Cuca e Dorival Junior. Hoje Géverton reside em Pelotas . Atualmente é o técnico do Guarany de Bagé, onde se sagrou campeão do Gauchão C. Assim resgatamos a história futebolística de Géverton Duarte, o Géverton,que inegavelmente foi mais um bom volante formado no Olímpico e que hoje é um promissor técnico de nosso futebol.

COMENTÁRIOS ()