Sbado, 31 de Outubro de 2020 |

Você Lembra?

1369- HÉLIO

Por Redação em 04 de Maio de 2018

(Foto: Divulgação)


Hélio, o nosso entrevistado nesta edição, foi um bom atacante que marcou presença em vários clubes dediversos estados brasileiros; O seu nome completo é José Hélio Alexandre de Souza, sendo paulista de Sorocaba, onde nasceu no dia vinte e cinco de julho de 1964. Iniciou suas atividades esportivas no Palmeiras em 1983, que em 1984 jogava com Leão; Ditinho, Luiz Pereira, Vagner e Denis; Rocha, Cléo e Carlos Alberto Borges; Robertinho, Hélio e Baltazar. No ano seguinte o “Verdão” ia a campo com Leão; Ditinho, Marcio, Vagner e Paulo Roberto; Jorginho, Hélio e Gilcimar. Em 1986 o “Periquito” era escalado com Martorelli; Ditinho, Marcio, Vagner e Toninho; Gerson Caçapava, Lino e Mendonça; Jorginho, Mirandinha e Hélio. No ano seguinte foi contratado pelo Bahia que atuava com Rogério; Zanata, João Marcelo, Pereira e Edinho; Sales, Bobô e Zé Carlos; Lulinha, Hélio e Ronaldo e Marques. Em 1988 foi defender o arquirival, o Vitória que era escalado com Borges; Edinho, Estevam, Dorotéo Silva e Luciano. Bigu, Ben Hur e Gerson; Ederlane, Hélio e Hugo. Em 1990 Hélio retornou para o Bahia, que formava com Chico; Mailson, Jorginho, Vagner Basilio e Cleber; Paulo Rodrigues, Gil e Renatinho; Naldinho, Hélio e Tato. Em 1991 foi para o futebol pernambucano contratado pelo Sport Recife que era escalado com Paulo Victor; Marquinhos, Ailton, Assis e Clebson; Ataíde, Lopes e Alencar; Mirandinha, Hélio e Tato. Em 1994 defendeu o Ceará e em 1998 veio para o futebol gaúcho para vestir a jaqueta áureo cerúlea do Pelotas. A formação da equipe era Robson; Clairton, Valber, Vanderlei e Zura; Mastrillo, Marco Aurélio e Joel Marcos; Carlinhos, Hélio e Manga. Depois de uma passagem de retorno ao Bahia, Hélio encerrou suas atividades esportivas ano de 2000 no Araçatuba. Hélio considera que Rubens Minelli e Givanildo Oliveira foram os melhores treinadores que teve a orientá-lo. Os melhores atacantes que viu em ação foram Careca, Roberto Dinamite e Nunes. Os zagueiros que melhor lhe marcaram foram Oscar, Dario Pereira e Mozer. O seu gol inesquecível foi marcado no jogo Palmeiras X São Paulo, no seu primeiro jogo como profissional. O seu ídolo nos gramados é Ademir da Guia. Hoje Helio reside em Sorocaba, de onde acompanha o seu filho Bernardo que joga no Vasco da Gama. Assim, resgatamos a história futebolística do José Hélio Alexandre de Souza, o Hélio que inegavelmente foi um bom atacante que marcou presença nos gramados brasileiros.

COMENTÁRIOS ()