Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020 |

Você Lembra?

1393 - FUMANCHU

Por Redação em 19 de Outubro de 2018


O nosso entrevistado nesta edição é o excelente ponteiro direito Fumanchu. O seu nome completo é Jorge Luiz da Silva, sendo capixaba da cidade de Castelo, onde nasceu no dia quatorze de novembro de 1952. Iniciou suas atividades no Castelo de sua cidade natal em 1968 onde permaneceu até 1970. A seguir esteve nas divisões de base do Fluminense e do Vasco da Gama. Profissionalizado permaneceu em São Januário de 1971 a 1974. Em 1972 o clube da Cruz de Malta jogava com Andrada; Fidelis, Joel, Moisés e Alfinete; Alcir, Buglê e Gaúcho; Fumanchu, Tostão e Dé. No ano seguinte o “Almirante” atuava com Andrada; Paulo César, Rene, Moisés e Alfinete; Alcir, Buglê e Zanata; Fumanchu, Roberto Dinamite e Luiz Carlos. Em 1974 foi para o Sport Recife que formava com Tião; Cidão, Lula Pereira, Alberto e Marcos : Feitosa, Meinha e Edmilson; Fumanchu, Adãozinho e Orlando; No ano seguinte foi contratado pelo Santa Cruz. A “Cobra Coral” ia a campo com Jair; Renato Cogo, Lima, Levir Culpí e Pedrinho; Givanildo e Carlos Alberto; Fumanchu, Nunes , Ramon e Zé Maria.Em 1976 retornou ao Vasco que formava com Mazaropi; Toninho, Argeu, Marcelo e Marco Antônio; Zé Mário e Luiz Carlos; Fumanchu, Dé, Roberto Dinamite e Galdino. Em 1977 estava de volta ao Santa Cruz que era escalado com Joel Mendes; Carlos Alberto Barbosa, Paranhos, Lula Pereira e Pedrinho; Givanildo e Betinho; Fumanchu, Jadir, Nunes e Pio. No ano seguinte o Santa formava com Joel Mendes; Carlos Alberto Barbosa, Paranhos, Lula Pereira e Pedrinho; Givanildo e Wilson Carrasco; Fumanchu, Jadir, Betinho e Joãozinho. Posteriormente defendeu o Fluminense e o América do México. Em 19+81 retornou ao Brasil contratado pelo Flamengo que ia a campo com Raul Plasmann; Leandro, Rondinelli, Marinho e Carlos Alberto; Andrade, Adilio e Paulo César Carpegiani; Fumanchu, Nunes e Paulo César. No ano seguinte foi para o futebol paranaense contratado pelo Londrina que atuava com Neneca; Toninho, Zequinha, Marcio e Zé Antônio; Luiz Gustavo, Zé Roberto e Nivaldo; Fumanchu, Itamar e Carlos Henrique.O Londrina foi o último clube de Fumanchu Em sua opinião os melhores técnicos que teve foram Evaristo de Macedo, Mário Travaline, Paulo Emilio e Cláudio Coutinho. Os melhores ponteiros direitos que viu em ação foram Jairzinho, Flecha, Renato Gaúcho e Gil. Os melhores laterais esquerdos que enfrentou foram Vladimir, Vacaria e Vanderlei Luxemburgo. Considera que todos os gols que marcou foram importantes, até um contra que o juiz não viu. Os seus ídolos nos gramados foram Pelé, Rivelino, Zico, Falcão e Jairzinho. Hoje Fumanchu reside na cidade de Castelo, sua cidade natal, onde exerce as atividades de radialista. Comanda há vários anos um programa esportivo de debates na rádio Cultura. Assim, resgatamos a história futebolística de Jorge Luiz da Silva, o Fumanchu, que inegavelmente foi um excelente ponteiro direito com marcantes passagens em todos os clubes que defendeu.

COMENTÁRIOS ()