Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020 |

Você Lembra?

1427 - LIBÓRIO

Por Redação em 14 de Junho de 2019


O nosso entrevistado nesta edição é Libório, que foi um bom goleiro que marcou presença nos gramados gaúchos na década de oitenta. O seu nome completo é Libório Grave, sendo natural de Taquari, onde nasceu no dia seis de maio de 1960. Iniciou suas atividades esportivas na Divisões de Base do Grêmio. Em 1981 estava guarnecendo a meta do Inter de Santa Maria junto com Foguinho, Roberto, Donga e Sadi; Doraci, Chicota e Valdo; Guinga, Ney e Gerson. Em 1984 foi contratado pelo Estrela, da cidade do mesmo nome, que jogava com Libório; Luizão, Tadeu Xavier, Belmonte e Juarez; Sérgio, Éder e Roberto; Betinho, Alberi e Paulão. Em 1986 foi para a cidade “Rainha da Fronteira” contratado pelo Bagé que era escalado com Libório; Valdoir, Ronaldo, Menezes e Jesus; Djalma, Renato e Cid; Getulio, Severo e Almir. No ano seguinte foi para Vacaria guarnecer a meta do Glória, que ia a campo com Libório; Edson, Jerônimo, César e Francisco; Cabral e Ben Hur; Gláucio, Vacaria, Zé Carlos e Edmundo. Em 1988 retornou ao Estrela que atuava com Libório; Isidoro, Zé, Foguinho e Mallmann; Francisco, Roberval e Mano; Julcimar, Mauro Garibaldi e Giba. Libório considera que Tadeu Menezes foi o melhor treinador que o orientou. O melhor goleiro que viu em ação foi Taffarel. A sua partida inesquecível, quando defendeu até pensamento, foi Estrela O X Inter SM 1. Os seus ídolos nos gramados são Pelé, Valdo e Toninho ponteiro esquerdo do Inter SM. Hoje Libório reside em Estrela, onde exerce as atividades de Representante Comercial. Assim, resgatamos a história futebolística de Libório, que inegavelmente foi um bom goleiro gaúcho que brilhou nos gramados dos pampas na década de oitenta.

COMENTÁRIOS ()