Tera-Feira, 20 de Outubro de 2020 |

Você Lembra?

1429 - SALADA

Por Redação em 28 de Junho de 2019


No fim da década de cinquenta, década de sessenta e início da de setenta as Divisões de Base do Inter, sob o comando de Abílio dos Reis, ficaram famosas por revelar excelentes atletas, de maneira especial meia canchas. Como exemplo mencionamos entre outros Paulo Araújo, Gaspar, Bráulio, Chorinho, Falcão, Batista e Salada, o nosso entrevistado nesta edição. Salada, cujo nome completo é Alvair Barbosa, foi um volante técnico com muita habilidade no trato da bola, marcando e apoiando com muita segurança. Salada é natural de Bagé, onde nasceu no dia dezessete de fevereiro de 1948. Integrou a equipe de juvenís do Inter de 1966, que jogava com Schneider; Jorge Guaraci, Nitota, Macau e Fernando; Salada, Sérgio Galocha e Tovar; José, Claudiomiro e João Carlos Cueca. Pela abundância de bons valores formados na base, Salada não teve muitas chances de ser aproveitado no elenco principal. O Atlântico de Erechim foi o seu destino quando deixou o Inter. Posteriormente defendeu o Cruzeiro de Joaçaba. Em 1969 foi para o futebol paulista contratado pelo Comercial de Ribeirão Preto. Em 1971 foi contratado pelo Jataiense de Goiás. A seguir defendeu o Goiatuba e em 1974 foi contratado pelo Itumbiara, também de Goiás, onde permaneceu até 1980. Nesse ano encerrou suas atividades esportiva, marcando de maneira expressiva sua passagem pelo futebol goiano. Salada considera que Waldemar Carabina foi o melhor técnico que teve a orientá-lo. OS melhores meias canchas que viu em ação foram Rivelino, Zico, Zé Carlos, ex Cruzeiro, Ailton Lira, Paulo César Carpegiani, Zeno e Luvanor. O seu gol inesquecível foi consignado no jogo Goiatuba X Atlético Goianense. Cobrou uma falta com barreira. A bola bateu nas duas traves e cruzou a linha fatal. Os seus ídolos nos gramados são Pelé, Zico e Rivelino. O apelido Salada é porque quando garoto falava muito chiado. Hoje Salada reside na cidade goiana de Goiatuba onde é funcionário público trabalhando no SEBRAE. Assim, resgatamos a história futebolística de Alvair Barbosa, o Salada que foi mais um bom valor formado nas Divisões Inferiores do Inter e que marcou presença no futebol goiano.

COMENTÁRIOS ()