Segunda-Feira, 19 de Outubro de 2020 |

Você Lembra?

1448 - WILSINHO

Por Redação em 14 de Novembro de 2019


Wilsinho, o nosso entrevistado nesta edição, foi um bom ponteiro esquerda, que marcou presença no futebol paulista. O seu nome completo é Wilson Oliveira Rica, sendo paulista da capital, onde nasceu no dia treze de março de 1950. Iniciou suas atividades esportivas na Portuguesa de Desportos em 1970, que em 1972 jogava com Orlando; Humberto Monteiro, Marinho Peres, Calegari e Isidoro; Lorico e Luizinho; Ratinho e Hector Silva e Wilsinho. Em 1974 a “Lusa” ia a campo com Zecão; Cardoso, Darcio, Arenghi e Isidoro; Badeco e Basilio; Xaxá, Tatá, Cabinho e Wilsinho. Em 1976, o clube do Canindé era escalado com Lula; Cardoso, Mendes, Rostein e Isidoro; Badeco, Enéias e Eudes; Antônio Carlos, Rui Rei e Wilsinho. Em 1977 foi contratado pelo Juventus, onde permaneceu até o ano de 1979. No ano seguinte foi para o Corinthians que atuava com Jairo; Zé Maria, Mauro, Djalma e Wladimir; Caçapava e Basilio; Piter, Sócrates, Geraldão e Wilsinho. No ano seguinte o “Timão” atuava com Solitinho; Luiz Cláudio; Amaral, Djalma e Wladimir; Biro Biro, Eli e Vaguinho; Toninho, Geraldão e Wilsinho. Wilsinho considera que Oto Glória foi o melhor técnico que teve a orientá-lo. Os melhores ponteiros esquerdos que viu em ação foram Edu, do Santos, Lula e Joãozinho do Cruzeiro. Os melhores laterais que enfrentou foram Zé Maria, Carlos Alberto Torres, Forlan, Eurico e Nelinho. O seu gol inesquecível foi marcado no jogo Portuguesa de Desportos 3 X São Paulo 1, no final da Taça São Paulo de 1973. Nesse jogo marcou dois gols e segundo foi sensacional. Os seus ídolos nos gramados são Pepe, Enéias, Ademir da Guia, Dirceu Lopes e Romero do Palmeiras. Hoje Wilsinho reside na capital paulista. Assim, resgatamos a história futebolística do Wilson Oliveira Rica, o Wilsinho que inegavelmente foi um excelente ponteiro esquerdo que marcou presença no futebol paulista.

COMENTÁRIOS ()