Quarta-Feira, 05 de Agosto de 2020 |

Você Lembra?

1465 - MÜLLER

Por Redação em 03 de Abril de 2020


Müller, o nosso entrevistado nesta edição, foi um excelente volante com marcantes passagens em vários clubes do futebol brasileiro. O seu nome completo é Ademir Müller Rodrigues, sendo natural da cidade gaúcha de Soledade, onde nasceu no dia vinte de agosto de 1959. Iniciou suas atividades esportivas no Pampeiro de sua cidade natal. Logo foi contratado pelo Rio Grandense de Santa Maria. Destacando-se foi para o Novo Hamburgo. Em 1982 foi contratado pelo Inter, que passou a jogar com Benitez; Betão, Mauro Pastor, Mauro Galvão e Rodrigues Neto; Ademir Kaeffer, Müller e Dunga; Silvio, Bira e Silvinho. Em 1985, seu último ano no Beira Rio os colorados iam a campo com Gilmar; Luiz Carlos Winck, Aloisio, Mauro Galvão e André Luiz; Müller, Luiz Freire e Ruben Paz; Jussiê, Kita e Silvinho. No ano seguinte Müller foi para o futebol carioca defender o América, que atuava com Pimenta; Polaco, Luiz Carlos, Denilson e Paulo César; Müller, Sérginho e Pedro Paulo; Renato, Luizinho e Pulo Henrique. Em 1989 foi contratado pelo Náutico de Recife que era escalado com Jorge Pinheiro; Levi, Lúcio, Romildo e Sivaldo; Müller, Erasmo e Haroldo; Newton, Bizu e Nivaldo. No ano seguinte o “colorado pernambucano” atuava com Celso; Levi, Barros, Freitas e Célio Gaúcho; Müller, Haroldo e Léo; Nivaldo, Bizu e Ocimar. Em 1991, seu último ano no clube do “Estádio dos Aflitos” integrava um time formado com Celso; Levi, Barros, Freitas e Célio Gaúcho; Lúcio Surubim, Augusto e Müller; Lau, Robson e Possi. A seguir Müller defendeu vários clubes como Brusque, Chapecoense, Alto Vale, Criciúma, Brasil de Pelotas e para finalizar sua movimentada carreira como atleta de futebol em 1995 no Passo Fundo que jogava com Chico; Bira, Luciano, Dias e Adilson; Coracini, Müller e Cláudio Freitas; Sandro, Juarez e Ernestina. Müller considera que Vanderlei de Luxemburgo, Cláudio Duarte e Otacilio Gonçalves da Silva Junior foram os melhores técnicos que teve a orientá-lo. Os melhores volantes que viu em ação foram além dele, Falcão e Andrade. Os melhores meias que enfrentou foram Zico e Sócrates. O seu gol inesquecível foi marcado no jogo Inter X Goiás em 1982 no Beira Rio. O seu ídolo nos gramados é Paulo Roberto Falcão. Hoje Müller reside na sua terra natal onde dedica-se a plantação de soja e produção de leite. Assim resgatamos a história futebolística de Müller, que inegavelmente foi um excelente volante que marcou presença no futebol brasileiro na década de oitenta e noventa.

COMENTÁRIOS ()