Quarta-Feira, 28 de Outubro de 2020 |

Você Lembra?

1491 – CASTOR

Por Redação em 02 de Outubro de 2020


Castor, o nosso entrevistado nesta edição foi um bom meio de campo catarinense que marcou presença no futebol paranaense. Seu nome completo é Luiz Carlos Ferreira, sendo catarinense de Caçador, onde nasceu no dia nove de maio de 1965. Iniciou suas atividades esportivas no Colorado em 1979 que jogava com Wilson; Ari, Caxias, Gassen e Sidnei; Castor, Osmarzinho e Jorge Nobre; Buião, Zé Marçal e Zé Carlos. No ano seguinte o Colorado jogava com Joel Mendes; Ari, Paranhos, Caxias e Alcir; Castor, Jorge Nobre e Marinho Rã; Buião, Tião Marçal e Mug. Em 1983, seu último ano no Colorado atuava com Zico; Ari, Paulo Marcos, Caxias e Chico Fraga; Castor, César e Nilton; Marinho Rã, Jones e Aladim. Posteriormente Castor defendeu o Paraná, Passo Fundo, Itabaiana, Juventude em 1991 que era escalado com Carlos; Marcão, Helton, Amarildo e Sérginho; Mastrillo, Castor e Neni; Lenilson, Claudinho e Márcio. Foz do Iguaçu, Americano, Iguaçu, Internacional de Lages e Pinheiros. Castor considera que Sérgio Ramos e Hélio dos Anjos foram os melhores técnicos que o orientaram. Os melhores atacantes que viu em ação foram Roberto Dinamite, Cláudio Adão e Romário. O seu gol inesquecível foi marcado no jogo Colorado X Platinense, válido pelo campeonato paranaense. O seu ídolo nos gramados é Romário. Hoje Castor reside em Curitiba é exerce as atividades como comerciante de bebidas, gelo e carvão. Castor é um dos organizadores dos encontros dos ex jogadores do Colorado. Assim resgatamos a história futebolística do Luiz Carlos Ferreira, o Castor, que foi um bom volante catarinense que marcou presença no futebol paranaense.

COMENTÁRIOS ()