Sbado, 04 de Dezembro de 2021 |

Escola Salgado Filho recebe atleta paralímpico Ricardinho para palestra

Jogador de futebol cinco esteve no município para conversar com os alunos

Por Redação em 22 de Outubro de 2021

"Cerca de 100 pessoas participaram das atividades com Ricardinho" (Foto: Guilherme Wunder)


A Escola Salgado Filho recebeu na tarde de quarta-feira, 20/10, a visita do atleta paralímpico Ricardinho. O jogador de futebol cinco para deficientes visuais promoveu duas palestras para os alunos da escola. A ideia era apresentar sua história e poder falar da importância de se aceitar e se superar. Cerca de 100 estudantes participaram da atividade promovida pela instituição.

Em entrevista, o atleta explicou suas motivações para participar de eventos como esse em Alvorada e em outras cidades. “A coisa mais importante não é me exaltar, mas sim passar a mensagem de que as pessoas com deficiência podem se superar e ter uma vida normal. Com a minha história eu consigo passar para a gurizada de que é possível”, salienta Ricardinho.

O atleta, que já foi o melhor do mundo em sua modalidade em três ocasiões, também tem quatro medalhas Paralimpicas, quatro Parapan-Americanos e três títulos mundiais. Hoje Ricardinho atua na AGAFUC – Canoas. Além de sua palestra para as crianças e adolescentes, o esportista também fez uma apresentação musical junto da banda da Escola Salgado Filho.

Para ele, essa interação é de suma importância para a formação dos jovens. “Eu gosto muito de conviver com as pessoas e eles estão em uma fase onde precisam de informações de qualidade. É preciso para entender o ser humano e seus valores. Eu gosto muito dessas pautas e gostaria de participar mais, mas sempre que posso eu participo”, enfatiza Ricardinho.

Segundo o diretor Leandro Gomes, esse evento é um marco da sua administração – iniciada em 2019 – quando se fala em inclusão de alunos. “Respeito a diversidade de uma forma geral. Desde que nós assumimos a gestão foi aumentado o número de alunos de inclusão. A gente conseguiu se tornar uma referência quando se fala em trabalhos de inclusão. A vinda do Ricardinho coroa esse trabalho”, finaliza o gestor.

COMENTÁRIOS ( )