Sexta-Feira, 21 de Janeiro de 2022 |

Estado divulga PIB dos municípios e PIB per capita de Alvorada é o mais baixo do Rio Grande

Já no PIB geral, Alvorada ocupa o 32º lugar no ranking estadual

Por Redação em 24 de Dezembro de 2021

"A administração municipal trabalha pelo desenvolvimento industrial de Alvorada para que esses índices melhorem" (Foto: Arquivo A Semana)


Além de manterem a liderança no ranking do Produto Interno Bruto (PIB) do Rio Grande do Sul, Porto Alegre e Caxias do Sul foram os municípios gaúchos que mais avançaram em participação na lista divulgada na última semana relativa ao ano de 2019. Os dados sobre a atividade econômica dos municípios destacam que a soma dos bens e serviços produzidos pela capital do estado.

Nos índices divulgados foi possível averiguar que o Rio Grande do Sul produziu R$ 82,43 bilhões, 17,1% do total do RS e um aumento de 0,21 ponto percentual na comparação com o ano anterior. No caso de Alvorada, o município movimentou R$ 2.8 milhões e ficou em 32º lugar no ranking. Isso equivale a 0,59% do montante que foi movimentado dentro do estado.

PIB per capita

A divisão do montante do PIB pela população tem novamente Triunfo, sede do Polo Petroquímico, como cidade com o maior PIB per capita do Rio Grande do Su, de R$ 283.450, 6,68 vezes maior do que a média do Estado. Entre as cidades com menores PIB per capita do Estado estão Alvorada (R$ 13.521), Barra do Guarita (R$ 14.317) e Caraá (R$ 14.470).

Em entrevista, o secretário da Fazenda (SMF), Marcelo Machado, falou dos desafios para mudar essa perspectiva e alavancar a economia da cidade. “A gente tem que trabalhar na atração de empresas que auxiliem o município. Nós temos as melhores legislações da região metropolitana quando se trata de incentivos para novas empresas”, explica o titular da pasta.

Segundo ele, existe volume significativo que está vindo se instalar em Alvorada. Existe uma distribuidora, uma fábrica de implementos agrícolas, outra de produção de esquadrias. Essas inaugurações devem aumentar o PIB do município e esse é o foco da administração municipal para aumentar os índices de Alvorada nos próximos anos – esses dados são de 2019.

Contudo, o titular da SMF afirma que, por mais que Alvorada esteja em último lugar, o PIB per capita não tem relação com a renda da população. “O PIB não quer dizer renda da população. Ele é o valor produzido dividido pelo número de habitantes. Ele não é a renda média da população e acredito que o município deve ter subido de nível, mas devemos saber isso no próximo Censo”, finaliza Machado

Balanço estadual

Juntamente com Porto Alegre e Caxias do Sul, Canoas, Gravataí, Rio Grande, São Leopoldo, Santa Cruz do Sul, Passo Fundo, Novo Hamburgo e Pelotas completam, em ordem, o ranking das 10 maiores economias do RS em 2019. Na comparação com o ano anterior, a única novidade da lista foi a saída do município de Triunfo (10º lugar em 2018) e a entrada de Pelotas na mesma posição.

No documento elaborado pelo Departamento de Economia e Estatística (DEE), vinculado à Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG), a lista dos cinco primeiros colocados em 2019 não teve alteração, enquanto Santa Cruz do Sul perdeu uma posição, São Leopoldo ganhou quatro e Novo Hamburgo perdeu dois lugares. Os 10 municípios de maior PIB concentraram 41,9% do total do estado.

COMENTÁRIOS ( )