Quarta-Feira, 23 de Junho de 2021 |

Governo do Estado lança serviço de aplicativo de transporte para servidores

No primeiro mês, serviço funcionará como projeto-piloto para servidores de órgãos da administração direta

Por Redação em 28 de Maio de 2021

"Funcionamento é similar aos demais apps de transporte, em que usuários solicitam viagens e acompanham o deslocamento" (Foto: Divulgação)


O Governo do Rio Grande do Sul lançou na quinta-feira, 20/05, o TáxiGov RS, serviço de compartilhamento de veículos via aplicativo. O objetivo é gerar mais economia para os cofres públicos, rapidez na prestação dos serviços e agilidade nos deslocamentos dos servidores públicos estaduais. No primeiro mês, o serviço funcionará como projeto-piloto para os servidores da SPGG e de órgãos da administração direta.

Após esse período, será disponibilizado para os demais órgãos públicos do Estado. A ação é uma parceria com o governo federal, em que o Rio Grande do Sul é um dos primeiros a aderir. As solicitações com origem e destino ocorrem nos municípios de Porto Alegre, Alvorada, Cachoeirinha, Canoas, Eldorado do Sul, Esteio, Gravataí, Guaíba, Montenegro, Novo Hamburgo, Rolante, São Leopoldo, Sapucaia do Sul e Viamão.

O modelo de funcionamento é semelhante aos demais aplicativos de transporte, em que usuários solicitam as viagens e acompanham os deslocamentos dos condutores habilitados via app de celular (sistemas IOS e Android). A empresa que operará o serviço oferecido pelo TáxiGov RS será a Tele Táxi Cidade, vencedora do edital promovido pela gestão federal.

Com essa medida, o Estado prevê uma economia de aproximadamente R$ 5 milhões já no primeiro ano de uso, podendo alcançar R$ 20 milhões, com a ampliação do projeto para a frota de veículos oficiais do Estado. Os deslocamentos devem ser realizados apenas por servidores em serviço e todas as viagens serão monitoradas via GPS, garantindo uma melhor fiscalização e controle do uso de veículos.

Junto ao TáxiGov RS, o Governo do Estado também pretende implementar a Central Única de Compartilhamento de Veículos, frota oficial, para atender a todas as demandas que não puderem ser supridas pelo TáxiGov RS, como viagens para o interior e transporte de carga, entre outras. O projeto será apresentado até o final do primeiro semestre deste ano.

COMENTÁRIOS ( )