Quarta-Feira, 12 de Maio de 2021 |

Prefeitura faz avaliação do primeiro ano da pandemia do coronavírus no município

Enquanto isso, números da doença começam a diminuir – quando comparado há outras semanas

Por Redação em 16 de Abril de 2021

"O prefeito se pronunciou com exclusividade ao Jornal A Semana para falar da pandemia do coronavírus" (Foto: Eduardo Porto)


Alvorada segue na luta contra o coronavírus. Enquanto a campanha de imunização sofre devido a falta de doses, os números de casos e óbitos começam a apresentar uma redução no âmbito municipal. Além disso, o prefeito José Arno Appolo do Amaral (MDB) fala sobre os investimentos e ações desenvolvidas pela Secretaria de Saúde (SMS) desde o início da pandemia.

Dados da semana

O Governo do Estado divulgou na tarde de quinta-feira, 15/04, o seu mais recente boletim epidemiológico da pandemia do coronavírus. Assim é possível averiguar que Alvorada está com 15.697 casos confirmados desde a primeira quinzena de março, quando foi confirmado o primeiro paciente alvoradense. Além disso, já são 594 óbitos causados pela doença.

Nessa semana foram confirmados mais 265 casos. Isso é menos do que na última semana, quando foram 678 pacientes contaminados. Já o número de óbitos também caiu. Nessa semana foram confirmadas 27 vítimas da pandemia. Os dados de pacientes recuperados, isolados e hospitalizados foi divulgado pela Prefeitura no início da semana passada, através de nota nas redes sociais.

No boletim epidemiológico municipal de terça-feira, 13/04, já havia 15.539 casos confirmados. Desses, 14.158 já estão reestabelecidos. Ainda existem 693 alvoradenses em isolamento domiciliar e 107 hospitalizados. Na terça-feira, por volta das 15h – quando foi divulgado o ofício – já eram 581 mortes confirmadas pela pandemia do coronavírus dentro do município.

Avaliação da pandemia

Após pouco mais de um ano do primeiro caso de coronavírus no município, o Jornal A Semana conversou com o prefeito José Arno Appolo do Amaral (MDB) sobre o impacto da pandemia no município. Segundo ele, a Prefeitura segue sem medir esforços para dar assistência a população, principalmente na área da saúde. Isso através de medidas que estão sendo desenvolvidas desde março do ano passado.

Entre essas medidas está o investimento de aproximadamente R$ 8.808.164,45 em ações voltadas ao enfrentamento ao Covid-19, investindo no ano 2020 um percentual de 23,3% das receitas liquidas em saúde (Investimentos superiores ao mínimo legal de 15% instituído pela Constituição Federal). Com isso, foi possível desenvolver uma série de iniciativas no município. São elas:

Investimentos: O fortalecimento do sistema de saúde foi uma das prioridades contra o Covid-19, com investimentos na compra de insumos, medicamentos, equipamentos de proteção individual, testes de Covid-19, incentivos financeiros para custeio de abertura e manutenção de leitos de enfermaria e contratação emergencial de profissionais de saúde.
Testes de Covid-19: Além disso, a testagem para detecção da Covid-19 foi uma das iniciativas tomadas pela gestão municipal logo quando os casos da doença começaram a crescer. Em um ano de pandemia, a Secretaria de Saúde testou 46.649 pessoas.
Ampliação do atendimento Covid-19: Buscando dispensar atendimento humanizado e acolhedor para as crescentes demandas de pacientes com sintomas respiratórios, além de estender os dias e horários de atendimento do Centro Intermediário de Saúde, foram criados dois Centros de Atendimento específicos para Covid-19.
Oxigênio: Garantindo segurança e evitando desabastecimento de oxigênio, a Secretaria Municipal de Saúde executou a ativação da Central de Gases Medicinais do Centro Intermediário de Saúde para atendimento dos usuários sintomáticos respiratórios.
Tecnologia e vacinação: A tecnologia tem sido grande aliada nas políticas de enfrentamento à pandemia, agilizando serviços municipais demandados pela população. A campanha “Alvorada de plantão pela Vida” e a Central do Disque Coronavírus pelo telefone 3199.9330, criado para obtenção de informações sobre a Covid-19 e realização de denúncias, já recebeu e realizou mais de 47.471 atendimentos.
Compra de Vacinas: A Prefeitura firmou termo de convênio operacional com a FAMURS, aderindo ao protocolo de intenção de aquisição de imunizantes contra a Covid-19 com recursos próprios.
Informação: Já com o processo de vacinação em curso, a Secretaria de Saúde, realiza diariamente “Live’s” informativas, além de ampla divulgação de informações atualizadas sobre o processo de imunização em site, mídias sociais oficiais, e carros de som e mídias impressas com destaque para a criação do “Vacinômetro” que apresenta os números atualizados das vacinas.
Fiscalização: Realização constante de forças-tarefa em apoio à Brigada Militar, com a Guarda Civil, Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana, Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Vigilância Sanitária para monitorar o cumprimento dos Decretos, Portarias e Legislações Sanitárias e o controle de distanciamento social e aglomerações em espaços públicos e privados.

Cenário atual

O prefeito foi questionado sobre o momento que estamos vivendo da pandemia e falou sobre isso. “Pela sétima semana consecutiva, o Estado apresenta classificação de bandeira preta no modelo de distanciamento controlado em todas as 21 regiões. O momento atual, sugere uma segunda onda com exponencial elevação do número de contaminados pelo Coronavírus”, enfatiza Appolo.

Por causa disso, ele pede que a população respeite os decretos e auxilie na redução dos casos da cidade. “Diante deste cenário a Prefeitura e a Secretaria Municipal de Saúde de Alvorada, reforçam a necessidade de obediência aos protocolos e as regras sanitárias estabelecidas pelo modelo de distanciamento controlado, evitando o agravamento da crise sanitária e o colapso do sistema de saúde”, finaliza Appolo.

COMENTÁRIOS ( )